Reforma deixa apê em São Paulo mais amplo e iluminado

O projeto, do escritório Formalis Arquitetura, integrou a varanda à sala e inseriu janelas extensas que permitem uma maior incidência da luz natural

Por Yara Guerra Atualizado em 17 fev 2020, 15h50 - Publicado em 18 set 2019, 16h10
Manu Oristano/Divulgação

Projetado pelo escritório Formalis Arquitetura, este apartamento de 205  no Brooklin foi alvo de grandes mudanças: originalmente dos pais do morador, o imóvel deveria ganhar outra cara com a reforma para permitir uma nova vida a ele e sua esposa, recém-casados.

Antes do projeto, o apê continha uma varanda cujas portas a separavam da sala, o que deixava os espaços um tanto escuros. A primeira ideia dos arquitetos, assim, foi reverter este fenômeno.

Manu Oristano/Divulgação

Nivelando o piso e quebrando todas as paredes possíveis, os profissionais inseriram no imóvel muita luz natural, permitida também pelas janelas que se estendem do piso ao teto.

Além disso, o décor abrigou a madeira clara – a fim de refletir ainda mais esta luz –, e um rodapé embutido para garantir mais leveza.

Manu Oristano/Divulgação
Continua após a publicidade

Como o piso e o painel solicitado pelos clientes já eram de madeira, o escritório decidiu mesclar outros materiais na decoração, como a palhinha do banco de Gustavo Bittencourt e o tampo de vidro espelhado da mesa de centro.

A mesa de mármore carrara de Jader Almeida – uma das peças favoritas dos arquitetos – é também quem traz um ar clean para o apartamento.

A Poltrona Pitu é é o grande amor do proprietario, que desde que sentou pela primeira vez na mesma, teve a certeza que teria ela em seu home. Manu Oristano/Divulgação

“Acredito que conseguimos transformar o apartamento em um espaço jovem, com linhas retas e apenas um toque de cor nas poltronas rosas”, diz o escritório.

Confira na galeria abaixo mais fotos do projeto:

Continua após a publicidade

Publicidade