Casa Created with Sketch.

Muros baixos e recuo frontal marcam edifício residencial gentil

Previsto para 2017, o prédio traz plantas flexíveis, varanda integrada à sala e brises

01-a-cidade-agradece

 (/)

“Este é um prédio que não grita”, diz o renomado Eduardo de Almeida sobre o projeto residencial paulistano que assina com Cesar Shundi Iwamizu, do escritório SIAA, para a incorporadora Moby. “A construção procura ser tão silenciosa e sossegada como o próprio entorno.” Para estabelecer relação harmoniosa com o bairro, na zona oeste da metrópole, a obra apresenta muros baixos e recuo frontal.

001-a-cidade-agradece

 (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s