Casa Created with Sketch.

De bem com a natureza

É só o frio chegar para o dono deste refúgio em Palmas, PR, puxar a caravana. Na montanha, ele e cerca de 20 familiares decidem os passeios: trilha, cavalgada ou pescaria? Os dias são animados sob o céu azul e as noites, contemplativas

Um título para uma foto sem titulo

 (/)

A moradia de 570 m² sem energia elétrica (mas com sistema a gás para aquecer a água) ganha a luz âmbar das velas. E mantas térmicas no interior das paredes duplas de madeira e no telhado deixam os ambientes quentinhos. Para ter esses confortos, até filhos e netos participaram dos dez meses de obra – consultando o preço do pínus certificado com o arquiteto paulista Gabriel Kalili, buscando árvores caídas na mata ou sugerindo atrativos como ofurô, fogão a lenha e sauna.

Como há 20 anos o grupo visita a região (antes se hospedando num chalé de 150 m² também de madeira e sem luz que existia no terreno), as caminhadas freqüentes na mata revelavam árvores nobres tombadas pelas tempestades. “Para minha surpresa, eles buscaram imbuias e pinheiros nessa situação para usar na nova casa”, conta o arquiteto Gabriel, que projetou a estrutura com o sócio, Fernando Freitas. Levada para uma marcenaria próxima (que atestou o bom estado), boa parte dessa madeira virou vigas, pilares ou réguas para o deck e o forro.

Um título para uma foto sem titulo

 (/)

A construção é solta do solo – mas uma tela na base evita a entrada de bi...

 (/)

A cozinha integrada preserva a tradição das conversas ao lado do fogão a l...

 (/)

O piso de pínus se mantém sempre em dia graças às reaplicações de cera ...

 (/)

Sem luminárias, o forro de pinho teve realçado seu caprichoso encaixe macho...

 (/)

Acompanhe o passo-a-passo da obra

 

A mão-de-obra começou por desmontar o antigo chalé de 150 m² que abrigou a família por muitas temporadas (a madeira foi usada em andaimes). Enquanto isso, eles aguardavam aprovação dos órgãos ambientais para o projeto atual – que passou sem alteração.

1 - Balizada pelo resultado da sondagem, a equipe do arquiteto optou p...

 (/)

2 - Nos 120 dias seguintes, montaram-se o piso (pínus) e o esqueleto ...

 (/)

3 - Nos 120 dias seguintes, montaram-se o piso (pínus) e o esqueleto ...

 (/)

4 - Nos três meses seguintes, eles fixaram as réguas das paredes int...

 (/)

5 - Simultaneamente, os operários fechavam as quatro águas com telha...

 (/)

6 - Depois, a equipe instalou os caixilhos de imbuia e construiu o dec...

 (/)

No antigo chalé imperava o improviso, com colchonetes no chão e fila para banhos. Agora, a casa dá conforto a todos. O dono tem suíte com lareira e sacada. “É outra coisa… Mas o melhor é saber que esses momentos criam um convívio intenso com os filhos e netos.” Por isso, ele se desconecta dos compromissos da empresa, em São Paulo, a cada a15 dias para pegar a estrada (ou o aeroporto) rumo às montanhas do Paraná. E, satisfeito, conclui: “Agora sei que esse ritual sobreviverá por muitos e muitos anos”.

As estacas têm alturas variadas, chegando a 2 m. As lajes são estruturadas ...

 (/)

Sala de jantar, sauna e quartos ficam no piso inferior.

 (/)

No pavimento superior, a área íntima, com espaço para acomodar os hóspedes.

 (/)

Com uma vegetação nativa deslumbrante no entorno, a família dispensou o pr...

 (/)

Para a família avistar o verde das araucárias dentro da casa, Gabriel desen...

 (/)

A suíte master do morador traz lareira préfabricada com tijolo refratário ...

 (/)

Pontuada nos fundos da casa, esta entrada é destinada aos carros. Por aqui, ...

 (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s