Casarão mistura elementos coloniais e materiais modernos

Viagem ao passado: esta casa no interior de São Paulo exibe uma mistura particular de elementos coloniais brasileiros e portugueses -- tudo recriado com o conforto e a praticidade de materiais modernos.

Por Por Deborah Apsan e Joana L. Baracuhy Fotos: Eduardo Pozella Iustrações: Fabio Flacks Atualizado em 20 dez 2016, 18h11 - Publicado em 15 set 2009, 00h46
Um título para uma foto sem titulo

As janelas enfileiradas, o telhado marcante, as cores esmaecidas. Não fossem as palmeiras ainda miúdas, o casarão em Sorocaba, SP, passaria por uma morada antiga. Mas não é. Erguida em 2007, e com 524 m², a construção alia propositalmente a atmosfera de outros tempos às comodidades requeridas nos dias de hoje. “O proprietário deste haras, filho de portugueses, nos encomendou uma casa confortável para os fins de semana com jeito de sede de fazenda”, conta o arquiteto paulista Alberto Lahós, sócio de Marco do Carmo. A planta, evidentemente, não repetiu o velho modelo – e separa as áreas de serviço, sociais e íntimas. Acostumados a trabalhar com interiores, os dois sabiam que, nos espaços internos, cada detalhe seria fundamental para reproduzir o clima de época, com elementos coloniais. E conseguiram recriá-lo mesmo usando materiais novos – mais práticos e econômicos. Conheça também este projeto de reforma que modernizou a fazenda da família.

 

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade