Apartamento dos anos 1950 ganha projeto contemporâneo e atemporal

Tijolinhos à vista pintados de branco, teto com grade metálica e piso de granilite formam a base neutra e elegante da decoração

Por Nádia Simonelli 3 ago 2020, 14h06

 

Luiza Maraschin/Casa.com.br

Localizado no bairro dos Jardins, em São Paulo, este apartamento de 120 , em um prédio da década de 1950, foi todo renovado para receber um jovem casal de colecionadores de arte. Para garantir uma atmosfera contemporânea e elegante, como pediram os moradores, os arquitetos Atelier PECLAT + CHOW elaboraram um projeto que integrou totalmente o espaço ao mesmo tempo em que define claramente a função de cada um. Assim, cozinha, sala de estar e escritório estão conectados, mas têm suas áreas definidas por volumes e vazios.

 

Luiza Maraschin/Casa.com.br

Logo na entrada, um hall surpreendente: a madeira pau ferro, de cor escura, reveste as paredes e o teto para proporcionar uma experiência sensorial para quem chega ao apartamento. A partir dali, tudo é claro e com linhas limpas.

Na área integrada, os tijolinhos das paredes ficaram expostos e receberam tinta branca, enquanto algumas portas de espaços de armazenamento foram texturizadas com o mesmo tom para ficarem imperceptíveis. Já o piso recebeu o revestimento terrazzo, ou granilite, que foi muito usado no Brasil durante o modernismo. O teto de grade metálica branca, passeia por todos os ambientes e funciona como uma camada adicional de texturas.

Luiza Maraschin/Casa.com.br
Continua após a publicidade

Cada detalhe do apartamento foi pensado com atenção pelos arquitetos e a ideia foi enfatizar a importância da arquitetura e do design serem pensados como um projeto único. Por isso, desenharam, inclusive, maçanetas, interruptores e até as janelas.

Luiza Maraschin/Casa.com.br

Na decoração, brilham peças do design brasileiro moderno, a exemplo das poltronas de Zanine e Hauner, junto com exemplares internacionais, outros anônimos e obras de arte. Mas, tudo com uma estética que conversa perfeitamente com a atmosfera dos ambientes.

Luiza Maraschin/Casa.com.br

Para completar, os arquitetos desenharam também o sofá e as poltronas brancas, a mesa de centro de mármore, a mesa da cozinha e algumas luminárias, além de todos os móveis embutidos.

Luiza Maraschin/Casa.com.br

Quer ver mais imagens deste projeto? Então, dê um passeio pela galeria abaixo!

Continua após a publicidade

Publicidade