Casa Created with Sketch.

Você já ouviu falar da “arquitetura do sono”?

Dicas práticas de decoração podem contribuir para o descanso noturno. Saiba como!

 (Mariana Boro/Divulgação)

É de se imaginar que a qualidade do sono do brasileiro não é das melhores. Segundo uma pesquisa divulgada pela Royal Philips em março deste ano, 69% dos adultos no Brasil acreditam que o sono tem um impacto importante na saúde e no bem-estar, mas 36% dos entrevistados têm insônia recorrentemente. Além disso, 52% deles dormem mais no fim de semana para compensar o sono perdido.

Independentemente dos fatores que nos impedem de dormir da maneira como gostaríamos, é importante lembrar que a decoração pode ser nossa grande aliada nas horas de descanso através de um conceito chamado arquitetura do sono.

Algumas decisões, como escolha das cores, qualidade do colchão, iluminação e tecnologia impactam diretamente no nosso bem-estar ao travesseiro. Para te ajudar a fazer as seleções certas, o arquiteto Gabriel Bordin reúne algumas dicas práticas que podem ser aplicadas no dia a dia:

Cores claras

Projeto de suíte do arquiteto Gabriel Bordin.

Projeto de suíte do arquiteto Gabriel Bordin. (Mariana Boro/Divulgação)

Não é uma regra, mas cores claras trazem um sentimento de paz, de calma, uma tranquilidade que é necessária na hora do descanso. O uso da madeira, também preferencialmente em tons claros, traz calor ao ambiente e faz contraponto com as outras cores.

Analogia x tecnologia

 (Mariana Boro/Divulgação)

Deixe a tecnologia para o mobiliário de seu quarto. Nesta proposta, Gabriel afasta propositalmente a tecnologia ligada aos gadgets e também exclui a TV. “Apesar de não ser o que fazemos, o quarto deveria ser um lugar que usamos menos o celular, por exemplo”, comenta o arquiteto.

Iluminação indireta

Projeto de Gabriel Bordin.

Projeto de Gabriel Bordin. (Divulgação/Casa.com.br)

Luminárias e abajures são essenciais para garantir uma iluminação mais relaxante, com o propósito de tornar a luz do ambiente translúcidaEscolha pontos focais que fujam dos locais onde ficarão as pessoas, como o sofá ou a cama, e aponte a luz para obras de arte e outros espaços.

Cama e colchão

Ambiente “Cloud Nine” de Gabriel Bordin na CASACOR Santa Catarina|Florianópolis 2019.

Ambiente “Cloud Nine” de Gabriel Bordin na CASACOR Santa Catarina|Florianópolis 2019. (Fábio Jr. Severo/Divulgação)

De nada adianta um décor especialista se a cama e o colchão não estiverem de acordo. Escolha um colchão com tecido tecnológico que ajuda a respirar, ajuste a temperatura do corpo e, principalmente, seja hipoalergênico.

Em Cloud Nine, da CASACOR Santa Catarina 2019, Bordin criou com a Reveev a cama Nuvem, uma peça do mobiliário pensada para o conforto acessível, com grandes pufes que abraçam e prolongam a extensão do aconchego.

Janela

Projeto de suíte do arquiteto Gabriel Bordin.

Projeto de suíte do arquiteto Gabriel Bordin. (Mariana Boro/Divulgação)

Preste atenção nas possibilidades que a janela – ou as janelas, se for seu caso – oferecem na iluminação do quarto. Uma persiana pode garantir uma luz mais cênica, enquanto uma cortina de linho branco, como na foto, deixa a claridade entrar com mais facilidade, mesmo formando um filtro.

“Ao ‘vestir’ suas janelas crie uma atmosfera aconchegante dentro do quarto”, finaliza Gabriel.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s