Hotel tem acomodações que simulam favela

Neste hotel da África do sul, o turista pode se sentir em uma favela

Por Daniela Barbosa, de Exame.com Atualizado em 14 set 2018, 00h58 - Publicado em 23 jul 2015, 18h02
exame-title

Quase um experimento antropológico. É isso que um hotel de luxo na África do Sul quer oferecer aos hóspedes que optam por ficar em acomodações que simulam como seria a vida em uma favela no país. O espaço, batizado de Shanty Town, tem capacidade para acomodar mais de 50 pessoas. Todos os quartos foram construídos com chapas de ferro ou outros materiais impermeáveis, a iluminação é somente por velas e os banheiros são compartilhados. Tambores com fogo ficam acesos noite e dia caso o hóspede queira cozinhar a própria comida no local. A única regalia oferecida pelo hotel é Wi-Fi em todas as acomodações e um rádio a pilha. De acordo com o Emoya Luxury Hotel & Spa, milhões de pessoas estão vivendo em assentamentos informais em toda a África do Sul e a ideia é oferecer as pessoas a oportunidade de ficar uma área parecida com uma favela, mas com segurança. A diária para uma pessoa na Shanty Town custa aproximadamente 550 rands, cerca de 140 reais.  Com mais 28 reais, o hóspede pode também saborear um belo café da manhã.

Publicidade