Casa Created with Sketch.

10 dicas de organização da casa para iniciantes

Sueli Rutkowski, especialista em organização doméstica, nos deu 10 dicas de organização infalíveis

Se você está morando sozinho pela primeira vez, teve filhos recentemente e a estrutura familiar mudou ou está experimentando dividir a casa, nossa lista de dicas para iniciantes pode te ajudar a começar a organização da casa. onversamos com Sueli Rutkowski, autora de dois livros que prometem te ajudar a deixar tudo em ordem: “Dicas Incríveis – Truques e segredos para facilitar seu dia a dia” (Editora Master Books, R$ 29,90), vendedor de mais de 31 mil exemplares, e o recém-lançado “Novas Dicas Incríveis – Truques e segredos para administrar sua casa com eficiência” (Editora Master Books, R$ 27,90). Ela nos deu 10 dicas e truques de organização da casa para você se tornar expert no extermínio da bagunça. 

Dicas incriveis

 (/)

1. Defina qual é a função prioritária de cada espaço

“Um dos princípios fundamentais para que você tenha uma casa organizada, seja do tamanho que for, é você saber e conhecer muito bem o seu espaço”. A primeira dica de Sueli é enfática: o morador precisa entender sua casa e saber a função de cada um de seus cantos. Principalmente, quando muitos cômodos cumprem mais de uma função, como é o caso do quarto. Já que esse espaço pode estar integrado com uma área de escritório, é necessário ficar atento a função prioritária que é o descanso para então decidir como os objetos serão dispostos e o que deve ser mantido ou descartado.

2. Divida as tarefas com todos os moradores

A casa reflete a sua vida: quem tem os ambientes bagunçados se estressa mais por não encontrar objetos. Por influenciar na vida de todos os moradores, a organização é obrigação geral – não importa se a casa é dividida por uma família ou por amigos. Prepare uma planilha doméstica com a divisão das tarefas para que todos se envolvam e participem de fato. Essa atitude facilita a visualização de quem está realizando cada tarefa e como cada um é responsável pelo ambiente em que vive.

3. Tenha apenas o que realmente usa

Isso vale para tudo dentro da casa: livros, roupas, brinquedos, louça…“Se você convive com quatro pessoas dentro de casa, não há a necessidade de ter um jogo de mesa de 36 peças no armário da cozinha”, é o exemplo dado por Sueli. Você pode sim se dar ao luxo de tê-los, mas apenas se você tiver espaço suficiente para guardá-los sem prejudicar outros pertences.

4. Não deixe nada para fora. Sua casa não é mostruário de loja!

Já descobriu o lugar de cada objeto e se há espaço suficiente para guardá-los? Existe uma diferença entre objetos decorativos e itens que simplesmente deixamos fora do lugar. Se há espaço, guarde. Se não há, desapegue! Não ter essa prática acaba criando a sensação de loja e mostruário, daqueles bem bagunçados – e temos certeza que isso você não quer.

5. Desapegue. De fato. 

Todos nós temos nossos objetos favoritos, principalmente quando o assunto é vestuário. Quem não possui um sapato que usa mais ou uma roupa preferida para ir a festas? Não são esses os itens que devem ser doados e jogados fora, mas sim aquela blusa que não é usada há um ano ou as três bolsas que estão juntando poeira. Se está difícil desapegar, veja o reality show “Acumuladores”, do Discovery Home & Health. Você quer mesmo se tornar um deles?

08-apartamento-decorado-cheio-de-pecas-de-antiguidade-e-herancas-de-familia

 (/)

6. Não jogue as roupas por aí. Invista em um mancebo!

É difícil chegar em casa à noite depois de um dia de trabalho e ter pique para organizar o quarto. Uma maneira de evitar o impulso de jogar as roupas na cadeira mais próxima é ter um mancebo. Existem muitos modelos bonitos que complementam seu decór e com ele suas roupas ficarão separadas até que você tenha disposição para arrumá-las na manhã seguinte. Você, inclusive, já pode separar os destinos da roupa por braço do mancebo: um para as roupas que irão para a lavanderia, outro para as que voltarão ao armário e outro para aquelas que precisam ser passadas novamente.

 7. Deixe as bancadas de trabalho livres.

Alguns espaços na sua casa são áreas de trabalho. A bancada da cozinha é onde você preparará refeições – portanto, ela deverá ficar limpa e vazia, desobstruída para o próximo momento de preparo. O mesmo vale para a escrivaninha, que deve ter disposto apenas o que é de uso frequente.

8. Separe contas, papéis e folhas em pastas coloridas.

Um dos vários truques que Sueli põe em prática em sua própria vida é a disposição de contas a pagar em pastas coloridas. Cada cor representa uma categoria: verde para celular, branco para luz, azul para água…E ela vai além. Assinante de revistas como a CASA CLAUDIA, ela sabe que não dá para guardar todos os exemplares para sempre. Por isso, destaca ou escaneia as seções que mais lhe interessam e que sabe que gostará de consultar mais tarde, guardando-as todas em mais outra pastinha de elástico. Para não deixá-las largadas na gaveta, uma alternativa eficiente é colocá-las todas juntas em caixas organizadoras categorizadas.

05-ideias-ludicas-criancas

 (/)

9. Faça da organização um hábito familiar.

Para os pais: as crianças também devem se envolver na organização! Existem tarefas apropriadas para cada faixa etária e nem mesmo os mais novinhos ficam de fora. É responsabilidade dos pais começar a desenvolver o hábito da organização desde cedo. Defina um local específico para guardar os brinquedos, como um baú na sala ou caixa de brinquedos no quarto. Os objetos pouco usados deverão ficar guardados em outro local. Ao fim do dia, reserve de 10 a 15 minutos antes de dormir para separar e guardar tudo que foi usado junto ao seu filho, deixando a casa zerada para as aventuras da próxima manhã. Chegará um momento que a própria criança vai aprender, a ponto de não conseguir mais deixar os brinquedos fora do lugar.

10. Tirou, usou, guardou.

Essa é a máxima de qualquer casa organizada e está por último na lista para que você não a esqueça. Deixar seus objetos fora do lugar, seja por preguiça ou qualquer outro motivo, te faz perder o dobro do tempo que você gostaria colocando-o de volta no lugar na hora certa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s