Casa Created with Sketch.

Galeria Bergamin & Gomide apresenta a mostra “A Burrice dos Homens”

A exposição propõe uma reflexão sobre o uso da sátira e dos estereótipos no contexto latino-americano e sociopolítico dos últimos tempos

 (Divulgação/Casa.com.br)

Em sua segunda exposição no ano, a galeria Bergamin & Gomide apresenta a coletiva “A Burrice dos Homens”, entre 1º de junho e 20 de julho. A mostra partiu de uma série de conversas entre a curadora Fernanda Brenner e o artista Tiago Carneiro da Cunha e propõe uma reflexão aberta sobre o uso da sátira e dos estereótipos como pontos de partida para observações críticas acerca de dinâmicas sociais arraigadas que precisam ser reavaliadas.

 (Divulgação/Casa.com.br)

O nome da exposição vem da pintura homônima do paulista José Antônio da Silva, em que é possível ver uma floresta em chamas, urubus voando sobre a carniça de macacos agonizantes e, no canto inferior, a frase-título da obra A Burice dos Homens (com um R faltando).

A mostra também encontra inspiração na música Marginália II de Torquato Neto, que fala sobre o Brasil ser o fim do mundo. Com o grupo de trabalhos reunidos na exposição (que pairam entre a ficção e a crítica social explícita, advogando pelo incômodo e pelo desconcertante), a reflexão proposta pela curadoria fica evidente.

 (Divulgação/Casa.com.br)

Tiago Carneiro da Cunha investiga há anos o que considera ser senso comum, como “a gostosa” ou “o latino-americano”, a fim de testar processos e técnicas artísticas. Em seu trabalho, o Inferno de Dante encontra o congestionamento típico de São Paulo, por exemplo.

Seus personagens infernais parecem caber perfeitamente nas estrofes de Neto, o que levou a curadoria ao trabalho de outros artistas e gerações que conversam com a linha fina entre o cômico, o trágico, o melancólico e o sedutor – características da realidade do país desde a colonização.

 (Divulgação/Casa.com.br)

A imagem que o Brasil tem de si mesmo e aquela que é recebida no exterior também surge em vários momentos da exposição, que conta com obras de Lina Bo Bardi, Hélio Oiticica, Jac Leirner, Glauco Rodrigues, Ivan Cardoso, entre outros.


SERVIÇO “A Burrice dos Homens” 

Quando?

Visitação: 01/06 a 20/07, de segunda a sexta das 10h às 19h; sábados das 10h às 15h

Onde?

Bergamin & Gomide – Rua Oscar Freire, 379, loja 1

Tel: 11 3853-5800 – http://www.bergamingomide.com.br

Entrada Gratuita

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s