Como uma tela impressionista: um jardim inspirado em Monet

No jardim de Raquel Taraborelli, a profusão de flores e frutos parece saída de uma obra de Monet. O pintor francês, que passou boa parte da vida a retratar seu jardim, é uma das referências da moradora. Confira mais idéias de caminhos em jardins e faça seu roteiro para comprar flores no Ceagesp.

Por Reportagem Visual Zizi Carderari Texto Samira Almeida Fotos Evelyn Müller Ilustração Carlos Campoy Atualizado em 19 jan 2017, 13h34 - Publicado em 16 fev 2011, 18h14

Há dez anos, quando a artista plástica Raquel Taraborelli comprou um terreno de 4,6 mil m², em Votorantim, SP, queria construir uma casa com materiais reaproveitados. E assim fez: com croquis do arquiteto Mario Fagá, projeto arquitetônico de Luciana Bianchi e inspirada em bons momentos vividos no interior da França, ela ergueu a residência de 500 m² usando tijolos de demolição e janelões antigos. Aos materiais, somaram-se acabamentos típicos da Provença – o esmalte azul-claro de portas e janelas – e da Toscana – a pintura caiada no tom terracota. Para emoldurar a casa, um jardim florido, a exemplo da propriedade de Monet, em Giverny, perto de Paris, onde o mestre pintou suas melhores telas ao ar livre.

Publicidade