Casa Created with Sketch.

Calendário de organização: casa limpa em 7 semanas

Com uma semana dedicada a cada ambiente da casa, é possível deixá-la limpa e organizada como nova

Comece o ano encarando a limpeza de frente: o guia abaixo é perfeito para organizar o lar de uma vez por todas. Elaborado por Laura Gaskill em colaboração com a Houzz, ele separa uma semana para cada cômodo da casa, com uma tarefa para cada dia.

Cozinha

16-casa-cor-sao-paulo-2013-home-office-e-ambiente-gourmet

 (/)

É na cozinha que se concentram os eventos da casa – seja um simples café da manhã ou um grande almoço entre amigos. É importante manter áreas como ela, com tráfego e uso intenso, sempre funcionais e limpas.

Dia 1: eletrodomésticos

O primeiro dia deve ser reservado para a limpeza dos eletrodomésticos, à começar pela geladeira. Tire tudo de dentro dela. Limpe-a por dentro, removendo a sujeira com água morna e persistente. Desencoste-a da parede e passe o aspirador de pó. Só voltarão para as prateleiras os alimentos em perfeito estado. Em seguida, desengordure o fogão e o forno, aproveitando a função autolimpante se necessário (confira seu manual). Limpe também o micro-ondas.  Se tiver uma lava-louças, ligue-a sem nada dentro.

Dia 2: gabinetes e gavetas

Pratique o desapego, separando tudo dentro dos armários entre o que será doado ou jogado fora e o que será mantido. Passe um pano em gavetas e prateleiras. Inspecione panelas e formas, removendo manchas persistentes. Afie as facas. Guarde tudo de volta, pensando bem na localização dos itens em relação a onde na cozinha eles são usados.

Dia 3: despensa

Faça o mesmo na despensa, dessa vez jogando fora tudo o que passou da validade. Sacos com grande quantidade de alimentos – como arroz ou granola – deverão ter o conteúdo transferidos à potes herméticos transparentes. Limpe as prateleiras e guarde tudo de volta de acordo com o uso. Alimentos do café da manhã, por exemplo, podem ser reunidos em um só lado de uma prateleira, enquanto itens para assar bolos ficam do outro lado.

Dia 4: pias, ralos e lixo

Despeje vinagre branco nos ralos, deixando-o agir por pelo menos 10 minutos. Em seguida, enxague com água quente. Limpe os cestos de lixo e de reciclagem. Esfregue a pia e os misturadores, com atenção especial aos cantinhos.

Dia 5: balcões e prateleiras abertas

É importante analisar o que deve ser deixado nesses espaços: tudo ali será exposto, então apenas louça e utensílios em bom estado deverão ser mantidos. O resto deve ser colocado nos armários. Limpe as superfícies, com atenção especial aos cantos. Use limpador de azulejos e de rejunte, ou uma pasta de bicarbonato de sódio, nas áreas necessárias.

Dia 6: janelas, paredes e chão

Começando de cima, passe aspirador no teto, paredes e finalmente no piso. Use um spray de limpeza multiuso para limpar as paredes e exterior dos armários e gabinetes. Lave as janela e os tapetes.

Dia 7: detalhes

Aproveite o último dia para pensar em mudanças que gostaria de fazer para deixar a cozinha não só limpa, mas aconchegante. Faça uma lista do que precisou jogar fora e deve repor ou do que gostaria de comprar. Limpe o que passou batido nos outros dias e organize-se, de forma que termine o dia com esse ambiente sempre arrumado.

Banheiro

7---Salvador-Cordaro-7--banheiros-pequenos-e-bem-resolvidos

 (/)

A manutenção do banheiro é uma das mais difíceis de fazer em casa. O sucesso depende do planejamento e uma limpeza semestral mais pesada.

Dia 1: desapego

O primeiro dia é reservado ao desapego. Libere espaço no banheiro, começando pelo armário de remédios. Examine cada produto e coloque o que estiver fora da validade ou nunca é usado no lixo.  Usando lenços umedecidos ou um pano de microfibra, higienize as gavetas e prateleiras e limpe pia e espelhos.

Dia 2: limpeza profunda

Antes de começar a limpar, abra as janelas, para não concentrar o cheiro de produtos de limpeza no espaço.

Aplique produtos de limpeza específicos no boxe, nas paredes do chuveiro e no vaso sanitário, deixando-os descansar por 10 minutos. Depois esfregue as superfícies, de cima a baixo, com uma escova reservada para isso. Enxágue com água morna e passe um rodinho nas paredes e no boxe. Esfregue o vaso com outra escova.

Use um limpador multiuso nas outras paredes e no teto, limpando com um pano de microfibra. Mergulhe uma escova para rejunte ou escova de dentes em água sanitária e limpe entre os azulejos. Limpe as fendas ao redor da pia e dos misturadores.

Mergulhe o chuveiro em uma sacola plástica com vinagre branco e deixe descansar durante a noite. De manhã, termine esfregando o chão.

Dia 3: umidade

Solucionar os problemas de umidade do banheiro é uma tarefa de longo prazo. A princípio, é importante investir na ventilação, deixando as janelas abertas por pelo menos 30 minutos após cada banho.

Possui ventiladores no banheiro? Limpe-os! Desligue o circuito de energia, remova a tampa e passe um pano com água morna e detergente nela. Use o aspirador na parte de dentro do aparelho, com cuidado. Em seguida, seque tudo e remonte o aparelho.

 Dia 4: organização

Após o desapego, é mais fácil organizar o ambiente. Separe os objetos por áreas de uso, deixando o que faz parte da rotina em fácil acesso. Se for colocar produtos no balcão, invista em uma bela bandeja para dispô-los. O que é usado com menos frequência fica no armário de remédios ou embaixo da pia em potes plásticos transparentes de tamanhos variados.

Dia 5: lavar e tirar o pó

Tire o pó das luminárias de teto, arandelas e janelas. Remova a cortina do chuveiro, se houver, e lave-a junto a algumas toalhas.

Dia 6: refrescar

Jogue toalhas de mão, rosto e banho muito velhas fora, ou separe-as para usa-las como panos de chão. Encha o porta sabonete. Coloque um vaso com flores frescas em cima da pia.

Dia 7: planos

Aproveite o último dia para planejar a manutenção do espaço. Decida se o limpará uma ou duas vezes por semana, além de quais tarefas realizará com mais frequência. Separe um pequeno balde com os itens essenciais da limpeza do banheiro e deixe-os embaixo da pia.

Lavanderia

calendario-de-organizacao-casa-limpa-em-10-semanas

 (Rikki Snyder/Houzz)

Não importa se sua máquina de lavar possui um ambiente próprio ou está escondida em um cantinho: esse plano pode ser seguido por todos parar renovar o espaço da lavanderia.

Dia 1: máquinas de lavar e secar

Passei um pano de microfibra ou uma esponja úmida no exterior e interior das máquinas de lavar e secar. Remova as gavetas de detergente da lavadora e limpe-a com água quente. Coloque um copo ou dois de vinagre branco na máquina e ligue-a no ciclo mais quente, sem nada dentro. Já na secadora, remova o filtro e remova os fiapos em excesso do espaço onde ele é inserido.

Dia 2: desapego e limpeza

Livre-se dos pacotes de detergente vazios e tudo que já passou da validade.  Em seguida, passe aspirador de pó no ambiente, inclusive atrás e embaixo dos eletrodomésticos e móveis. Lave os apetes e use um spray multiuso nos balcões, prateleiras e portas. Esfregue o chão.

Dia 3: organização

Separe os produtos da lavanderia em duas categorias: de uso diário, ou usado em situações especiais – como para remover manchas específicas. Guarde os de uso diário, como detergente, mais próximos da máquina de lavar e os menos usado nas prateleiras mais altas. Caso lave peças de roupa em um tanque, monte uma cesta com os produtos usados para isso e deixe-a perto dessa área. Arranje um pote para coisas que são esquecidas em bolsos de calças e casacos, para que estes não sejam esquecidos na prateleira.

Dia 4: compras

Confira seus produtos de limpeza e faça uma lista de tudo que precisa ser comprado. Considere incluir outros itens à lista: uma prancheta ou tábua de cortiça, pendurados na parede, podem ser usados para exibir instruções de lavagem de peças específicas e até um pequeno guia para remoção de manchas. Um kit de costura é essencial para fechar pequenos buracos e costurar botões caídos.  Cabides para pendurar as peças delicadas enquanto secam também são uma boa pedida.

Dia 5: estilize

Um vaso com flores frescas ou uma prateleira acima da máquina de lavar podem trazer estilo ao espaço. Até mesmo o saco de roupas sujas, quando estampado, inova o décor.

Dia 6: lista

Observe o trabalho feito e faça uma lista de tudo que você gostaria de mudar ou adicionar na lavanderia. Pense até mesmo em possíveis reformas, ou medidas que à longo prazo tornarão o processo de lavagem das roupas mais simples e prático.

Dia 7: rotina

Estabeleça uma rotina para manter a lavanderia – e a lavagem de roupas – sempre em dia. Separe as roupas por cores e tecidos, mantenha o que deve ser lavado a mão em um cesto separado e procure deixar a porta do ambiente aberto para evitar o acúmulo de umidade. Defina dias para limpar o filtro da secadora e também o ambiente.

Sala de estar

01-apartamento-gavea-lembrancas

 (/)

O aconchego – e limpeza – da sala de estar tem grande influência na impressão passada pelo lar. O primeiro dia do calendário de limpeza da sala é extenso. Por isso, procure começar em um final de semana.

Dia 1: pó

Use um aspirador de pó para banir a poeira da sala de estar. Comece pelo teto e pelos cantos, até chegar ao chão. Persianas e venezianas também podem ser aspiradas, com o acessório correto acoplado ao aspirador. Se as cortinas puderem ser lavadas em casa, aproveite e faça-o. Limpe também as luminárias, o topo das estantes e porta retratos. Aproveite o fim do dia para separar tudo que não pertence ao ambiente, como louça da cozinha, objetos de outras pessoas e afins, devolvendo-os aos locais de origem.

Dia 2: chão

Tapetes e chão limpos fazem uma grande diferença no ambiente. Higienize-os, passe um pano e lustre pisos de madeira.

Dia 3: estantes

Organize as estantes e o gabinete da TV, onde geralmente ficam DVDs e CDs. Separe todos os livros e caixas, vendo o que gostaria de manter – e o que prefere doar ou vender. A intenção é organiza-los novamente de forma que haja espaço sobrando para aquisições futuras e também decoração de estante.

Dia 4: brilho

Limpe os espelhos e o vidro das janelas. Se a sala é no térreo e os vidros de fácil acesso, limpe-os pelo lado de fora também. Faça o mesmo com qualquer superfície do gênero, como portas de armários ou o tampo de uma mesa.

Dia 5: móveis

Limpe e passe o aspirador em móveis estofados. Lave mantas e capas de almofadas e trate os móveis de madeira conforme necessário.

Dia 6: truques

Um décor de sucesso pode ser obtido com alguns truques de estilo. Você pode aproximar um pouco sofás e poltronas para estimular conversas e enfatizar o aconchego. Corte as folhas amareladas ou mortas das plantas. Decore a mesa de centro com um vaso ou alguns livros – aproveite e coloque algumas edições deitadas nas prateleiras, para variar a organização da estante.

Dia 7: manutenção

Faça um plano de manutenção. Não se esqueça de, todas as noites, separar o que não pertence à sala e devolver aos ambientes corretos. Para manter o desapego, sempre que comprar algo novo, doe um objeto correspondente.

Quarto

08-cobertura-duplex-no-rio-tem-decoracao-elegante-e-vista-deslumbrante

 (Denilson Machado/Mca Estúdio/)

A serenidade deve dominar o quarto – se não é paz e aconchego que você sente no ambiente, é hora de uma boa limpeza.

Dia 1: armário

Sem desapego, não há limpeza: faça uma vistoria nas prateleiras e gavetas do quarto, separando tudo em pilhas do que deseja mantes, doar ou jogar fora. Prove algumas roupas para ter certeza de que você ainda as quer e de que servem. Aproveite que o armário está vazio para aspirar o pó. Depois passe um pano nas prateleiras e dentro das gavetas.

As roupas que serão guardadas devem ser aquelas que você ama, usa e servem, próprias para a estação atual e que não precisam de reparos. Roupas de outras estações são guardadas separadamente.

Dia 2: todo o quarto

Aproveite o segundo dia para aspirar o pó do quarto inteiro, do teto ao chão. Use uma escada para limpar luminárias e a parte de cima dos armários e estantes. Coloque tapetes e cortinas para lavar e passe um pano nos pisos de madeira. Enquanto limpa, separe os objetos que não são do quarto para devolvê-los aos ambientes certos.

Dia 3: cama

Limpe a cabeceira da cama. Passe aspirador por toda a superfície do colchão. Separe a roupa de cama no armário e confira se está em bom estado, separando o que não está para trocar por peças novas.

Dia 4: lista

Depois de limpar o ambiente, faça uma lista do que gostaria que fosse diferente. Ele é pouco iluminado? Você gosta da roupa de cama? Precisa de mais cabides para os armários? Gostaria de divisórias para as gavetas? Anote tudo e providencie as mudanças quando puder.

Dia 5: cabeceira

Ordene os livros, revistas e o que mais houver em sua mesa de cabeceira. Tire os itens que não usa todas as noites dali, colocando-os em estantes e outros armários. Em seguida, limpe os abajures, tirando o pó também dos outros objetos da mesa.

Dia 6: detalhes

Analise suas joias e acessórios pequenos, desapegando do que não usa mais. Cuide das plantas, retirando o pó, cortando as folhas mortas e replantando em vasos maiores, se necessário. Jogue fora velas velhas.

Dia 7: manutenção

O primeiro passo para manter o quarto organizado é desenvolver o hábito de arrumar a cama todas as manhãs. Lembre-se de tirar as roupas sujas do chão, colocando-as no cesto, e guardar os acessórios nos lugares corretos. Sempre que comprar novas roupas ou itens para o quarto, pratique o desapego e doe algo parecido. Marque o início das estações no calendário e renove o quarto nessa data, trocando as roupas do armário e da cama de acordo com o clima.

Home office

home-office-com-mural-primaveril-e-decor-rosa-e-dourado

 (/)

Pilhas de papeis acumulados e objetos fora do lugar são a última coisa que precisamos no home office. Para trabalhar bem – e com conforto -, o ambiente deve estar sempre organizado.

Dia 1: papeis

Os papeis são os grandes vilões do home office – estejam eles jogados sobre a mesa ou escondidos em várias gavetas. Recolha todos e leia-os com atenção, jogando fora folhas de rascunho ou sem importância. Classifique os papeis e documentos, separando-os em pastas etiquetadas.

Dia 2: espaço

Descobrir espaços vazios no home office e se livrar dos objetos acumulados é o objetivo do segundo dia. Separe todos os itens (que não forem papeis) da escrivaninha em pilhas diferentes, de acordo com seu uso. Analise os conjuntos e decida o que realmente tem utilidade e deve ser mantido no ambiente.

Dia 3: organização

Coloque os objetos no lugar com um sistema de organização que combine com sua rotina e seja fácil de manter. Copos, por exemplo, são úteis para dar um lar permanente à itens de papelaria sem que eles sejam esquecidos nas gavetas. Bowls também podem se tornar ótimos divisores de gavetas.

Dia 4: limpeza

Depois de catalogar e organizar cada item do home office, é hora de limpá-lo. Passe o aspirador de pó em cada cantinho, do teto às janelas e os espaços atrás dos móveis. Use lenços ou um pano de microfibra umedecido para limpar o monitor e outras superfícies. Retire o pó do teclado gentilmente com uma escovinha própria ou cotonetes. Coloque um vaso ao lado do computador – afinal, ter plantas no ambiente de trabalho ajuda a diminuir o estresse.

Dia 5: conforto

Seu home office é confortável? É importante pensar na ergonomia do espaço. Invista em uma cadeira que suporte bem suas costas, iluminação abundante e até mesmo um banquinho para apoiar os pés.

Dia 6: detalhes

Apesar de ser uma área de trabalho, não se pode esquecer que o home office é parte da casa. Por isso, além de confortável, ele deve seguir o estilo do lar. Coloque retratos na mesa e paredes para deixa-lo mais aconchegante. Aposte também em mantas para a cadeira, um belo quadro ou até mesmo lembranças de viagem que deem personalidade ao espaço.

Dia 7: manutenção

O segredo para manter o home office é organizar os papeis assim que eles forem usados, evitando o acúmulo nas gavetas e outras superfícies. Deixe um pequeno kit de limpeza de teclado e mesa na primeira gaveta da escrivaninha. Ao terminar um dia de trabalho, faça uma limpeza relâmpago e devolva tudo que não for do ambiente – como a xícara do café – de volta ao seu devido lugar.

Garagem

calendario-de-organizacao-casa-limpa-em-10-semanas-garagem

 (Doug Abbott/Houzz)

Até mesmo a garagem merece uma semana intensa de organização – principalmente porque ela é negligenciada e, muitas vezes, usada como pequeno depósito.

Dia 1: desapego

Antes de se jogar na organização da garagem, separe materiais que precisará para organizá-la. Se ela for usada como depósito, sacos de lixo são essenciais. Comece pelas áreas com mais objetos acumulados, recolhendo tudo que você não procura há mais de um ano. O desapego aqui é intenso e a maior parte das coisas deve ser analisada e jogada fora.

Depois, separe o que será mantido por categorias em caixas etiquetadas: decoração de natal, acessórios de jardinagem, ferramentas, equipamento esportivo e afins.

Dia 2: limpeza e inspeção

Por abrigarem desde o carro até latas de tinta antigas, garagens ficam sujas facilmente. Por isso, reserve um dia inteiro para tirar tudo de dentro da garagem. Faça uma varredura, procurando por sinais de insetos ou roedores, tomando providências para livrar-se deles. Tire o pó com um aspirador ou uma vassoura, especialmente nos cantos do espaço. Se houver manchas de óleo no chão, jogue sabão em pó e esfregue com água morna. Passe um pano molhado por todo o chão da garagem. Quando tudo estiver seco, traga os objetos e o carro de volta.

Dia 3: planejamento

Desenhe a garagem em uma folha de papel e faça um esquema, marcando os locais em que cada item fica guardado. Assim, você pode organizá-la com precisão, em vez de colocar todas as caixas em algum canto.

Dia 4: organização

Evite deixar objetos no chão. Aproveite o espaço vertical, instalando desde novas prateleiras na parede até placas de pegboard e ganchos. Organize as prateleiras de cima pra baixo, com as caixas de objetos pouco usados no alto e assim por diante.

Dia 5: finalização

Pegue os sacos de lixo, que nesse momento devem estar cheios e separe os objetos. Evite jogá-los direto no lixo: alguns podem ser reciclados e outros, em bom estado, podem ser doados.

Dia 6: adições

Em algumas casas, a garagem é a principal conexão da rua com a casa e provavelmente é usada de entrada. Porque não criar um pequeno corredor improvisado, com um armário para deixar os sapatos e um tapete?

Dia 7: manutenção

Apesar de não ser uma prioridade diária, a manutenção da garagem é essencial para o bom funcionamento da casa – principalmente se ela também é usada como entrada. O primeiro passo para mantê-la organizada é parar de pensar nela como um depósito de tudo que não tem lugar em outros ambientes, fazendo uma seleção minuciosa do que é guardado. Sempre que guardar algo novo, coloque na caixa correta – ou faça uma nova caixa, sempre etiquetada. Limpe manchas de óleo assim que estas sejam feitas. Separe um ou dois dias por ano para arrumar o espaço, fazendo uma sessão de desapego e limpeza profunda.

banner_goto

 (/)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s