Antes e depois: sala se integra à cozinha e ganha móveis de design

A reforma que durou 8 meses atendeu a todos os pedidos do novo casal: cozinha integrada, home theater que pode ser isolado do estar e móveis de design mesclados com objetos mais rústicos, como caixotes de feira

Por Nádia Sayuri Kaku Atualizado em 19 jan 2017, 13h23 - Publicado em 11 set 2015, 22h50
07

Um ano antes do casamento, o casal jovem procurou a arquiteta Daniela Savioli para reformar o apartamento de 140 m²: com um disposição típica de imóveis do anos 90, o apê tinha muitas paredes e ambientes pequenos. E ia contra com o estilo de vida que eles estavam acostumados – naturais do interior de São Paulo, cresceram em espaços amplos e funcionais.

Para dar amplitude, a profissional começou por integrar a sala à cozinha, que recebeu um pórtico de madeira de demolição para delimitar os ambientes (e um armário embutido, que fica escondido à primeira vista). Um dos quartos também foi anexado à sala e virou o home theater. Porém, se precisar de privacidade, é só fechar as portas de correr, que o cômodo se isola do estar. 

02

Os tons neutros dão amplitude ao espaço e as cores vivas aparecem em pequenos detalhes, como nas cadeiras azuis de Fernando Jaeger e na batedeira vermelha Kitchen-Aid que também serve de peça de decoração. A parede que separa a sala da área de serviço foi aproveitada e ganhou uma cristaleira de laca brilhante com fundo espelhado: além de aumentar o ambiente, ela guarda faqueiros, toalhas e outros itens. Além de dar um local de destaque para a coleção de ampulhetas da proprietária: “Ela diz que combina muito com a vida doida que levamos em São Paulo, onde o tempo é valioso”, explica Daniela. Tempo por tempo, a reforma e a decoração foram finalizadas em oito meses e tudo ficou pronto a tempo para que o casal usufruisse a casa nova logo após o casamento.

Continua após a publicidade

 

Menos paredes, espaços mais amplos

14

Na planta, é possível ver a alteração das paredes: a da cozinha veio abaixo e a que separa a área de serviço da sala veio mais para a frente, para se alinhar à bancada.

Continua após a publicidade

Publicidade