Prédio comercial da FGMF arquitetos tem amplos jardins fora do comum

O prédio na Vila Madalena incentiva a interação dos escritórios com muitos jardins e áreas de convivência, como um café

Por Débora Fernandes Atualizado em 19 jan 2017, 13h46 - Publicado em 17 jun 2016, 16h09
FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-10

Ninguém se sente motivado trabalhando em um escritório sem graça – ainda bem que esse prédio comercial projetado pela FGMF arquitetos na Vila Madalena, em São Paulo, tem essa qualidade de sobra. Procurando criar um ambiente de trabalho mais humano, os arquitetos desenharam uma construção horizontal e baixa, com muitas áreas verdes e de vivência em comum.

FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-04

Por isso, ele é o oposto dos prédios de escritórios modernos. Em vez de separar e segregar, a FGMF criou vestiários, bicicletário, um café e muitas áreas de vivência em amplos jardins para incentivar a interação.

FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-01

Os visitantes entram pelo mezanino em direção a um pátio com jardim. Cercado por madeira, o primeiro piso beira os limites do terreno, enquanto os andares de concreto pré-moldado, vidro e aço ocupam uma área bem menor. 

Continua após a publicidade

FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-03

O grande destaque é um terraço especial acessível a partir do último andar, com um jardim particular para os escritórios. Veja mais fotos.

FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-06 FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-05 FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-07 FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-08 FGMF-arquitetos-edificio-corujas-building-sao-paulo-brazil-designboom-09
Continua após a publicidade

Publicidade