MAM traz duas exposições sobre sustentabilidade

Morada Ecológica e Razão e Ambiente traçam panorama da arquitetura no Brasil e no mundo

Por Por Mariana Morais Atualizado em 20 dez 2016, 21h42 - Publicado em 25 abr 2011, 16h36

“A sustentabilidade envolve avanços tecnológicos e é um tema que se atualiza continuamente. É isso que traz a exposição: a arquitetura se adaptando a esses recursos”, explica Felipe Chaimovich, curador do MAM (Museu de Arte Moderna de São Paulo) que estreia duas exposições simultâneas, entre 20 de abril e 26 de junho.

Morada Ecológica tem curadoria da arquiteta francesa Dominique Gauzin-Müller e exibe mais de 50 projetos pioneiros de grandes nomes atuais da arquitetura ecológica do mundo, além de selar uma parceria entre o MAM e o museu francês Cité de l’Architecture & du Patrimoine. Já Razão e Ambiente, com curadoria de Lauro Cavalcanti, expõe 21 obras que mostram uma visão da arquitetura brasileira através de trabalhos de arquitetos como Lina Bo Bardi, Lucio Costa e de nomes atuais influenciados pelos profissionais. Para o curador do museu, há um diálogo entre as exposições já que “uma traz uma visão europeia (Morada Ecológica) e a outra (Razão e Ambiente) uma reflexão do Brasil”.

Quem for às exposições não pode deixar de notar a tecnologia de ponta nas questões arquitetônicas em Morada Ecológica e também Razão e Ambiente. Nesta última, a instalação mobiliária de 1964 de Lucio Costa é o destaque. Essas são dicas de Felipe Chaimovich e abaixo alguns trabalhos estão no MAM.

Morada ecológica e Razão e Ambiente Onde: Museu de Arte Moderna de São Paulo

Endereço: Parque do Ibirapuera

Quando: 20 de abril a 26 de junho de 2011

Horários: Terça a domingo, das 10h às 17h30 (com permanência até às 18h).

Ingresso: R$ 5,50

Continua após a publicidade
Publicidade