David Bastos

David Bastos viu Brasília aos 5 anos e ficou fascinado pela invenção de Niemeyer. Aos 11 anos, tudo era motivo para um desenho.

Por Da redação Atualizado em 20 dez 2016, 19h09 - Publicado em 21 set 2007, 14h16

“Minha profissão já estava escolhida”, lembra o ex-aluno da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Outra paixão deste carioca radicado na Bahia é a natureza, por isso ele prioriza a qualidade de vida. Neste refúgio de 345 m², erguido há cinco anos em Praia do Forte, David inspirou-se nos bangalôs balineses. Há muita madeira, piso de cimento e aberturas. “O mais simples é ainda melhor”, diz.

Publicidade