Tribal: o design ancestral brasileiro

Peças de de artesanato brasileiras feita à mão e ambientes decorados com inspiração indígena

Por Redação Atualizado em 17 fev 2020, 16h09 - Publicado em 19 abr 2019, 18h21

O profundo mergulho no modernismo nas décadas de 1950 e 1960 é, para muitos, a marca do design e da arquitetura brasileira. O movimento, encabeçado por filhos de imigrantes no sudeste do país, rendeu obras arquitetônicas reconhecidas mundo afora e peças de design que são verdadeiros ícones. Nos últimos anos, entretanto, houve um resgate de outro aspecto do design brasileiro: o poder da ancestralidade indígena. A brasilidade do artesanato e da arte popular têm invadido as casas, deste e do outro lado do Equador, e encantando pelo afeto do feito à mão. Das cerâmicas marajoaras às cestarias da Amazônia, as peças têm feito a cabeça de arquitetos e designers de todos os cantos. Abaixo, resgatamos algumas criações e ambientes decorados com elementos essencialmente brasileiros.

Fachada

Reprodução/Casa.com.br

A fachada desta casa paulistana projetada pelos irmãos Campana, designers de produto brasileiros com maior reconhecimento internacional atualmente, é toda feita com fibra de palmeira de piaçava e inspirada nas moradas de índios brasileiros.

Cadeiras e utensílios

O designer de produto Sergio J. Matos tem um trabalho sólido feito ao lado de comunidades na região amazônica. Suas peças, com trançados essencialmente brasileiros, fazem sucesso mundo afora por sua originalidade e afetividade.

Luminárias

Reprodução/Casa.com.br

O designer Marcelo Rosenbaum também é conhecido pelo resgate à ancestralidade – marca de seu trabalho há anos. Entre suas criações, estão as luminárias feitas de micanças de vidro e inspiradas pela tribo de etnia iauanauá no Acre.

Continua após a publicidade

Banquinhos

Divulgação/Casa.com.br

Os bancos são utensílios que possuem significado simbólico, com inspiração nas lendas e nos mitos indígenas. A madeira é entalhada com esmero, de forma a transformar-se em animais ou móveis cuidadosamente pintados. No último ano, estes banquinhos viajaram o mundo todo em exposições sobre a cultura brasileira.

Tapetes

Reprodução/Casa.com.br

Nesta casa de praia, os tapetes de bambu feitos à mão por índios tapaxós dão toque rústico a morada despojada.

Forro

Reprodução/Casa.com.br

O forro de dendê deste refúgio baiano à beira-mar foi inteirinho trançado a mão por região, dando um toque artesanal ao bangalô.

Continua após a publicidade

Publicidade