Casa Created with Sketch.

Móveis de Concreto: fotos de 11 projetos

Estantes, aparadores, bancadas, mesas... O concreto mostra que a versatilidade não tem limites. Confira ideias de como usá-lo na decoração da casa

Quem acha que a robustez do concreto se limita a vigas e pilares, ou pode se estender, no máximo, ao acabamento de piso e paredes, vai se surpreender com estes projetos, que usam o material para compor móveis (desta vez, estáticos), bancadas e outros elementos decorativos. E que ainda assumem o concreto em seu estado bruto, apenas com acabamento de resina ou silicone, para protegê-lo. O resultado é de fácil manutenção, mais em conta e duradouro do que as opções de materiais comumente usados. Mas é uma escolha que deve ser muito bem pensada, já que, no caso dos móveis, não se pode mudar de posição. “Fazer o equipamento fixo em concreto ou em argamassa armada é conveniente quando não há vacilação sobre a forma e posicionamento desses elementos no espaço”, aponta o arquiteto Affonso Risi. “É importante que a escolha dos móveis a serem executados em concreto não impeça certo grau de flexibilidade e mobilidade para a ocupação dos ambientes, e que seja uma escolha baseada no melhor aproveitamento possível dos espaços”, acrescenta a arquiteta Juliana Fiorini. Uma vez consciente dessa limitação, a arquiteta Cássia Buitoni, que cresceu numa casa de concreto aparente e é fã do material, acredita que vale a pena investir no mobiliário fixo de concreto em casa. “Acho um material bonito e com muita personalidade. É um mobiliário para a vida toda, de custo acessível, exigindo pouca manutenção.” Confira, então, nossa galeria com 11 ideias para dar vida ao concreto em novos formatos e usos.

 

mapadaobra

 (/)

 

LEIA MAIS:

Caneta cria esboços arquitetônicos em 3D

Linha Tatoo traz estampas em peças de revestimento cerâmico

Novas técnicas em concreto recriam cores e textura das antigas construções

 

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.