Casa Created with Sketch.

Varanda de 13 m² é reformada com pouco custo e tempo

Com bastante criatividade e economia, o serviço Trato na Casa resgatou o espaço e o transformou em um local de relaxamento e descompressão

A varanda é um dos melhores lugares para relaxar em casa. Confortável e aconchegante, o espaço pode também reunir amigos e família em um fim de tarde para curtir o pôr do sol ou a vista da cidade. Mas é preciso ter cuidado para não transformar esse oásis em um depósito.

A artesã carioca Marcia Cardoso transformou sua varanda em um depósito, e precisou pedir socorro ao serviço Trato na Casa, da decoradora Vivi Visentin, com a sócia e irmã Vanessa Visentin. Um projeto sob medida foi desenvolvido gastando pouco tempo e dinheiro: “Criamos um oásis de tranquilidade no meio da cidade, com plantas e um jardim vertical de pallets que será montado aos poucos pela moradora”, conta Vivi, que ainda entrou com uma ótima ideia no estilo faça você mesmo.

Antes e depois da reforma da varanda

Antes e depois da reforma da varanda (Divulgação/Casa.com.br)

De cara nova!

Azulejos azuis, que antes revestiam as paredes até a metade foram removidos para que a parede fosse regularizada com gesso e pintada de branco na sequência. O toque de Midas foi resultado do acabamento com estêncil, que imita um mosaico de ladrilho hidráulico, idealizado por Vivi. O passo a passo pode ser conferido ao final da matéria!

Um ar despojado e praiano foi conferido ao piso com o efeito de cimento queimado, que substituiu o piso cerâmico. A base neutra deu ainda mais destaque para o colorido dos móveis, que fazem alusão ao mar em diversos tons de azul.

Varanda depois da reforma

Varanda depois da reforma (Divulgação/Casa.com.br)

Por conta do espaço enxuto, a escolha dos móveis precisou ser certeira, para aproveitar o espaço da melhor forma. Assim, um banco para visitas, uma mesinha retrátil fixada no parapeito e o conjunto antigo de mesas e cadeiras foi reaproveitado para compor o mobiliário.

Marcia ainda deu um toque pessoal na decoração, usando uma janela de demolição como prateleira fixada na parede. Um pallet também foi utilizado como jardim vertical.

Detalhes que fazem a diferença

Detalhe da pintura com estêncil

Detalhe da pintura com estêncil (Divulgação/Casa.com.br)

A pintura faz toda a diferença. Com apenas um molde e um pouquinho de capricho é possível dar uma cara nova para o seu espaço. Confira aqui o passo a passo:

  1. Pinte a parede de branco;
  2. Comece a pintura pelo centro, onde o desenho fica em evidência. Prenda as quatro pontas do estêncil com uma fita crepe;
  3. Com o auxílio de um rolinho de espuma, espalhe a tinta sobre o estêncil, transferindo o desenho para a parede. Tome cuidado para que nenhuma parte do desenho fique sem cobertura de tinta;
  4. Tire o molde e coloque o próximo ao lado, respeitando a marcação da peça, garantindo que o desenho fique alinhado;
  5. Repita o processo até finalizar a superfície.
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s