Casa Created with Sketch.

Quarto compartilhado acompanha avanço do bebê até o final da 1ª infância

Pais e filho dividem o quarto neste projeto onde menos é mais: os móveis são todos funcionais e o que não era essencial foi deixado de fora

 (Doce Anjo Boutique Bebê/Casa.com.br)

A chegada de um bebê traz decisões importantes para os pais, entre elas, escolher o local onde o pequeno irá dormir. Neste momento, os quartos compartilhados surgem como uma das opções possíveis, garantindo a facilidade e a segurança de manter a poucos metros o mais novo membro da família.

Com o nascimento do primogênito Davi, a cantora Priscila Benner, ex-participante do The Voice Brasil, decidiu que o modelo compartilhado era o que se encaixava melhor na rotina dela e do marido. O desejo da cantora era montar um quarto que pudesse acolher a criança até o final da primeira infância, em torno dos seis anos de idade.

 (Doce Anjo Boutique Bebê/Casa.com.br)

O projeto ganhou vida nas mãos da arquiteta Greisse Panazzolo e da designer de interiores Paula Ascoleze, que prezaram por criar um ambiente acolhedor e funcional, adotando a máxima do “menos é mais” e deixando de fora itens considerados não essenciais.

O berço foi o ponto de partida para o restante da concepção. O modelo conta com um exclusivo sistema antirrefluxo pneumático e pode ser transformado em uma minicama. No quarto de 12,09 m², o móvel está colocado longe da janela e fora do caminho das correntes de ar. O restante do mobiliário acompanha o design retrô da peça marcado pelo pé palito.

 (Doce Anjo Boutique Bebê/Casa.com.br)

A ambientação é dominada por tons neutros, criando uma atmosfera propícia para noites calmas e relaxantes. O lúdico é valorizado sem quebrar a harmonia do projeto: ele aparece no azul acinzentado, presente na porta e em uma das paredes laterais, e na girafa adesivada na parede atrás do berço.

 (Doce Anjo Boutique Bebê/Casa.com.br)

O piso laminado amadeirado confere conforto térmico para o quarto. Próximo ao teto, o rodameio, também no tom de madeira, cria um efeito moderno e valoriza o papel de parede com efeito inspirado no concreto.

Veja também
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s