Casa Created with Sketch.

18 dúvidas sobre drywall respondidas por profissionais

Se você está em dúvida em fazer uma parede drywall na sua casa ou apartamento, confira as principais perguntas sobre o assunto respondidas por profissionais.

11-moveis-de-drywall-25-solucoes-para-ambientes

 (/)

O que é drywall?

O termo define tanto as chapas com miolo de gesso e face de papel-cartão quanto o sistema, composto dessas placas fixadas em estruturas de aço. Seu trunfo está na possibilidade de criar centenas de formas, com emprego de painéis simples ou duplos, de variadas espessuras. Enchimentos de lã mineral incrementam os isolamentos acústico e térmico. Um profissional indicará a melhor saída para cada caso.

O que significa cada cor de drywall?

Há três tipos de chapa, que se diferenciam pelo tom da cobertura de papel-cartão. A face branca deve voltar-se sempre para o lado do acabamento:

– Verde (RU): com silicone e aditivos fungicidas misturados ao gesso, permite a aplicação em áreas úmidas (banheiro, cozinha e lavanderia).

– Rosa (RF): resiste mais ao fogo por causa da presença de fibra de vidro na fórmula. Por isso, vai bem ao redor de lareiras e na bancada do cooktop.

– Branco (ST): é a variedade mais básica (Standard), amplamente empregada em forros e paredes de ambientes secos.

Quais os tipos de instalação?

– Fixação do forro: os painéis específicos para o teto são parafusados na estrutura de aço, e o forro fica suspenso por tirantes sob a laje (ou presos no telhado). Isso ajuda a absorver os movimentos naturais da construção, o que evita trincas.

– Painéis prontos: lançamento recente, já vem com revestimento (cartão melamínico ou de PVC em vários padrões ou cores), que dispensa a etapa de acabamento

– Parede sobre parede: essa técnica nivela superfícies originalmente tortas e aumenta o conforto termoacústico do ambiente. Perfis são instalados sobre apoios fixos na alvenaria com massa de colagem, espaçados a cada 12 cm. A espessura mínima é de 3,5 cm.

Qual é o limite de peso que o drywall aguenta?

Qualquer objeto de até 10 kg pode se prender diretamente na chapa de drywall. Até 18 kg, a instalação ocorre nos perfis. Acima disso, deve-se adicionar um reforço ou distribuir a carga. Atenção para peças com mais de 30 kg: o drywall consegue suportar bancadas de pedra ou grandes TVs com a distribuição da carga em reforços, como mostra o desenho acima. Eles podem ser de madeira seca e tratada em autoclave (com 22 mm de espessura) ou de chapa de aço galvanizado (com 0,95 mm de espessura). Sua colocação se dá entre os montantes metálicos, cujo espaçamento é elaborado de acordo com o projeto.

Como são feitos os reparos?

Ainda que a tarefa pareça simples, os fabricantes recomendam contratar um profissional especializado.

– Trincas e fissuras: comece limpando a área a ser recuperada e aplique massa específica para juntas. Em seguida, coloque a fita de papel microperfurado, pressionando com uma espátula. Passe outra camada de massa e espere secar. Com a superfície lisa e uniforme, já é possível lixar e pintar.

– Buracos pequenos: limpe o local e preencha o furo com massa adesiva MAP utilizando uma espátula pequena. Deixe secar. Se necessário, repita o processo até o defeito ficar imperceptível. Depois de seca a superfície, sinal verde para lixar e pintar.

– Buracos grandes: normalmente, surgem quando se retira uma parte da placa para acessar as tubulações. Por dentro da área exposta, parafuse pedaços de perfis metálicos. O trecho novo deve ser fixado neles. Aplique massa para tratamento de juntas na superfície, além de fita de papel com a espátula e mais massa. Lixe e pinte.

Paredes de drywall são resistentes?

Se bem-feitas, sim. Por isso, há necessidade de contratar gente especializada. Convém tomar cuidados, como o cálculo estrutural adequado ao pé-direito. Se for de 2,70 m, basta uma placa comum (12,5 mm de espessura) em cada lado do perfil metálico. Conforme aumenta a altura, melhor reforçar o conjunto com versões mais espessas ou duplas. Obras maiores pedem o auxílio de arquiteto, já uma parede pode ser planejada por consultores técnicos indicados pelas revendedoras.

As placas suportam a colocação de portas?

Sim, para isso é preciso preparar a montagem estrutural. Onde será fixado o batente, são colocados montantes e uma verga metálica na parte de cima do vão. O batente pode ser preso com parafuso (e então é mantido um reforço) ou espuma de expansão. Nesse segundo caso, melhor adotar montante duplo ou perfil de aço e chapas mais grossas (0,95 mm) que as utilizadas em perfis normais (0,50 mm). Em portas de correr, as vergas recebem trilhos. Para ocultar a folha corrediça, a solução é fazer à frente dela uma segunda parede simples.

Como se comporta em ambientes sujeitos a vibrações e impactos? As paredes aguentam um chute ou a batida de um móvel?

Projetado para absorver as movimentações naturais, o drywall passou em testes de impacto e cumpre as normas de desempenho da ABNT. Os fabricantes asseguram que o material resiste a trombadas sem danos e não é fácil de ser derrubado. Também não apresenta patologias frente a impactos do dia a dia, como batidas de porta.

Posso embutir bancada de mármore ou granito?

Claro. Peças assim, que chegam a pesar mais de 60 kg por m2, exigem reforço no interior do drywall. Trata-se de um pedaço de madeira ou chapa metálica preso entre dois perfis verticais de aço – os mesmos onde é parafusado o gesso. Depois da parede fechada, mãos-francesas cuidam de sustentar a bancada.

E se eu mudar de ideia e quiser colocar uma peça pesada numa parede desprovida de reforço?

Será necessário abrir uma das faces da parede escolhida, aplicar o reforço e então usar nova placa de gesso para o fechamento, já que geralmente ela é danificada na desmontagem.

Como fixar quadros e espelhos?

Todo objeto que pesa até 10 kg pode ser preso no gesso. Se tiver entre 10 e 18 kg, convém instalá-lo nos perfis. Acima disso, deve-se aplicar o reforço ou distribuir a carga. Isso porque a distância máxima entre dois montantes é de 60 cm, e cada um deles suporta 18 kg. Se o espelho tiver essa largura e pesar até 36 kg, a carga total será dividida entre os dois perfis.

Drywall Aceita rede de balanço?

Sim, porém exige cálculo estrutural feito por profissionais gabaritados. Não adianta reforço somente na parede, já que o peso alcança até 400 kg, e o perfil metálico (montantes e guias) é diferente do usado em paredes. Ele precisa ser reforçado com chapas de aço mais grossas, onde serão soldados os ganchos.

Num apartamento novo, como descobrir a resistência das paredes de drywall?

O manual do proprietário ou o memorial descritivo do imóvel demarcam os reforços existentes. Na cozinha, eles geralmente aparecem por toda a extensão em que se caibam armários. As construtoras acompanham os pontos de sustentação padronizados pelos fabricantes de móveis. Na ausência do memorial, é preciso abrir as placas, caso não haja reforços de madeira ou metal, deve-se fazê-los na altura em que se quer fixar os armários.

Quanto tempo duram as placas? Existe garantia?

A durabilidade depende de várias circunstâncias, como o local de instalação. A vida útil aumenta se preservada do contato direto com água e não receber agressões físicas pontuais (martelo). Os fabricantes dão cinco anos de garantia para serviços e materiais A durabilidade depende de várias circunstâncias, como o local de instalação. A vida útil aumenta se preservada do contato direto com água e não receber agressões físicas pontuais (martelo). Os fabricantes dão cinco anos de garantia para serviços e materiais instalados conforme as especificações do manual.

Onde encontro mão de obra confiável? Como fazer o contrato?

No site dos fabricantes há informações de revendedores que podem indicar pessoal qualificado. Na PlacoCenter, da marca Placo, o investimento em especialização abrange aulas teóricas e práticas. Quanto ao contrato, melhor discriminar a quantidade de material, data de instalação, preço e se inclui mão de obra. Também deve-se determinar as especificações da parede ou forro, da espessura da placa ao reforço para peso.

Qual a diferença entre o forro de gesso normal e o de drywall?

Por conter uma estrutura metálica, o drywall é mais resistente. O comum, com plaquinhas de gesso penduradas e chumbadas, oferece mais risco de surgimento de patologias devido à movimentação natural da edificação. Existe ainda um tipo intermediário, o FHP, que é semi-industrializado e dispensa a parte metálica. O acabamento não é tão primoroso quanto o forro de drywall, mas sua qualidade é superior ao comum.

Eles servem para áreas externas, como beirais?

Se não tiver contato com a chuva, sem problemas. Ideal é que o telhado conte com manta de subcobertura, evitando infiltrações. Os forros são bastante utilizados em sacadas de apartamentos, já que o peitoril do andar superior o protege. Mas, quando exposto ao vento, as placas devem ter espaçamento menor entre perfis e travamento para maior resistência.

Como fixar o forro? Posso pendurar varal de roupa?

Tirantes de aço formam uma malha metálica, na qual são parafusadas as placas de gesso. Com buchas específicas pode-se prender objetos de até 3 kg diretamente no gesso. Até 10 kg as buchas precisam ser fixadas no perfil de aço que sustenta o forro. Acima disso devem ser fixadas ou na laje ou em reforço preso na laje, já que é nela que deve incidir o peso.

 

 

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Neltair Pereira do Amaral Júnior

    Prezados boa tarde. Estou passando por uma situação e navegando por aqui me deparei com o blog de vocês e sendo assim, gostaria de verificar se é possível me concederem uma breve orientação a respeito:
    Estou querendo instalar em minha residência (apartamento – área a ser coberta: 26m2) um teto de Drywall e tive dois orçamentos, os quais, se diferenciaram espantosamente em cerca de 40% um do outro. Quando fui verificar o motivo, identifiquei que um deles (o mais barato), o projeto prevê a fixação das placas direto na lage e através de fios de arames, ou seja, a sustentação das placas está apenas nesses fios, já o outro, está contando com uma estrutura de vigas metálicas instaladas abaixo da lage e onde as placas serão fixadas.
    Óbvio que fiquei muito inclinado pelo de menor custo, inclusive, pois o maior, me trará muita dificuldade em termos de orçamento familiar, entretanto, estou receoso com relação ao procedimento de fixação do mais barato, mesmo, sendo observado pela empresa que fará a instalação, como sendo uma prática normal e possível para uma área menor do que 50m2.
    A questão é: posso ficar tranquilo com a forma de instalação que está sendo proposta no orçamento menor?
    Desde já, se puderem me ajudar, ficarei extremamente agradecido.
    Atenciosamente.
    Neltair Pereira do Amaral Júnior (Residente em Jacarepaguá – Rio de Janeiro)

    Curtir

    1. Geraldo Fonseca

      DryWall, pra mim é para ser afixado em estruturas metálicas. Observe que as placas de gesso, estas sim presas atraves de tirantes, tem o dobro da espessura do drywall, e, além disso, são de 60 x 60. Eu mesmo estou instando drywall em minha cozinha (25m2) inclusive com um detalhe de rebaixo na área da ilha do cook top coifa, e gastarei em torno de R$600 … E olha que farei com fixação a cada 45cm, enquando que no mercado fazem a cada 60cm… Vai ficar show….

      Curtir

  2. Daniel Felipe

    ola tenho uma duvida

    estou para iniciar uma construção vou fazer um salao para 4 comados de alvenaria blocos vermelhos leves em vez de chapisco e reboco vou fazer o revestimento colado com chapas de geso ou drywall
    Minha duvida e posso colocar pesso sem medo pois os parafusos vam atravesar a chapa e pegar nos blocos

    Desde ja obrigado

    Curtir