Primeiro arranha-céu feito de madeira ficará pronto em 2023, na Suécia

O primeiro edifício do mundo feito de madeira se firma no tripé ecoeficiência, baixo custo e simplicidade. Uma película de vidro envelopará o prédio de painéis de CLT

Por Texto Liège Copstein Atualizado em 20 dez 2016, 23h23 - Publicado em 16 mar 2015, 23h26
02-primeiro-arranha-ceu-feito-de-madeira-ficara-pronto-em-2023-na-suecia

O Västerbroplan, de 11 mil m², é ambicioso: será o primeiro arranha-céu com estrutura de madeira maciça do planeta. Desenvolvida pelo escritório dinamarquês C.F. Moller, a obra de 34 andares, com término previsto até 2023, tem tudo para se tornar um marco em Estocolmo graças às suas múltiplas características sustentáveis. Em nome da estabilidade, o núcleo empregará concreto. Porém, o restante do esqueleto levará apenas CLT (madeira laminada cruzada) aparente. “Durável e ecologicamente correta, é a melhor escolha para projetos inovadores”, afirma o arquiteto Marten Leringe. Cada um dos cem apartamentos será circundado por um jardim de inverno e abastecido com a energia proveniente de painéis solares.

Publicidade