Casa de 190 m² com dois níveis e aberta para a paisagem

A arquitetura de linhas retas foi implantada em um terreno de reserva ambiental e respeita as características do espaço

Por Nádia Simonelli Atualizado em 30 nov 2020, 12h48 - Publicado em 30 nov 2020, 12h35

Assinada pelo arquiteto Michel Macedo , esta casa de 190 m² fica em Pato Branco, no Paraná, e está inserida em um terreno, que é uma reserva ambiental. Este foi um dos desafios que o profissional encarou ao desenhar o projeto. Os outros foram inseridos a construção grande natural do terreno em declive nos fundos do lote para minimizar os impactos ambientais e também criar acesses independentes para atender a área de festas.

Eduardo Macarios/Casa.com.br

Com um formato de caixa, a casa tem uma fachada de linhas retas com um telhado levemente inclinado. O volume superior, destinado aos quartos, está apoiado somente em três pilares e isso traz um desenho interessante à construção, que parece estar flutuando. Já no nível inferior os ambientes de estar se integram com a paisagem ao redor. A sombra, necessária pelo volume superior, protegido o espaço da insolação, sem prejudicar a iluminação e recursos naturais.

Quem chega da rua tem duas opções de acesso à casa. O primeiro leva os visitantes à entrada principal, pelo volume flutuante. E o segundo, conduzido ao nível inferior, onde os moradores costumam receber suas opções diretamente na área social para festas e encontros de fim de semana.

Os dois pavimentos são conectados por meio de uma escada posicionada na fachada. “É um recurso que enriquece o passeio e oferece um vínculo diário com o ambiente urbano”, explica o arquiteto. Com pequenas dimensões, essa casa traz muita leveza para a paisagem, além de se integrar suavemente com o entorno e proporcionar praticidade aos moradores.

Continua após a publicidade

 

Para ver mais detalhes desta casa, dê um passeio pela galeria de fotos abaixo!

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade