Continua após publicidade

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê

A arquiteta Danyela Corrêa renovou a área social do apartamento de 98 m², integrando salas de estar e jantar com varanda gourmet com churrasqueira à gás.

Por Editado por Ana Harada
Atualizado em 5 jul 2024, 18h04 - Publicado em 5 jul 2024, 13h00

O morador deste apartamento de 98 m² buscou a arquiteta Danyela Corrêa, há cinco anos para renovar a cozinha e criar o quarto de bebê para seu filho. Como a transformação foi muito bem-sucedida, a profissional foi chamada novamente para criar uma nova área social.

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, sala, mesa oval, sofá branco.
(Erika Waldmann/Divulgação)

Integramos as salas de estar e jantar com varanda gourmet, que ganhou uma prática churrasqueira a gás, para resultar em espaços perfeitos para momentos de lazer e convivência”, destaca.

“Também mexemos bastante na suíte master, cuidando em detalhes do projeto acústico, onde incluímos uma cartonagem dupla nas paredes de drywall, investimos em forro e janela que impedem que os sons dos vizinhos e da rua atrapalhem o sono”, conta Danyela.

Acompanhe os detalhes de cada ambiente:

Hall social e living

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, sala, varanda integrada, sofá branco L.
(Erika Waldmann/Divulgação)

No hall de entrada, Danyela investiu na marcenaria para conceber a ‘caixa’ de madeira preta e fosca que envolve a porta e o espaço que dá acesso ao apartamento. A ideia foi justamente envolver moradores e visitantes em uma espécie de pórtico que marca o projeto. Do lado do living, a iluminação difusa entrega uma atmosfera acolhedora para os momentos familiares e na recepção dos convidados.

Sala de Jantar

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, mesa oval branca, sala de jantar, espelho em formato orgânico.
(Erika Waldmann/Divulgação)

Alinhada com o estar, o jantar é marcado pelo uso consistente de cores e materiais que viabilizaram um fluxo visual agradável com a mesa oval ladeada pelas cadeiras revestidas no tom caramelo. Para completar, um bufê com a madeira semelhante ao hall de entrada, espelhos de formas orgânicas e os pendentes com a estética de ouro envelhecido.

Continua após a publicidade

Varanda Gourmet

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, varanda gourmet, persiana, parede de tijolinhos.
(Erika Waldmann/Divulgação)

Toda área foi explorada para o preparo de churrasco, devidamente acompanhada por bebidas na temperatura ideal. De um lado, a bancada em ‘L’, com uma pequena cuba e estrutura de marcenaria, abraça a churrasqueira e, do outro, o estilo rústico, marcado pelos tijolinhos nas paredes, recebeu o frigobar e a adega.

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, varanda gourmet, persiana, parede de tijolinhos.
(Erika Waldmann/Divulgação)

A criação da churrasqueira, que não existia no apartamento antigo, foi desafiadora. “A gente usou parte do espaço do banheiro de serviço para incluir um modelo a gás, que não exige duto de exaustão e só necessitou que trouxéssemos o ponto de gás pelo piso”, explica Danyela.

Cozinha

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, cozinha, marcenaria bege.
(Erika Waldmann/Divulgação)

Embora ela tenha sido contemplada na primeira reforma, não por isso a cozinha ficou de fora. Apesar de compacta, Danyela conseguiu integrá-la com a sala e na distribuição do layout, os elementos essenciais – geladeira, cuba e cooktop –, foram concentrados lado a lado, tornando o momento de preparar as refeições muito mais eficiente.

No que diz respeito à iluminação, a arquiteta especificou três painéis de LED, com alta luminância, para garantir uma luz difusa e uniforme em toda a cozinha. As lâmpadas escolhidas possuem alto índice de reprodução de cor (IRC), garantindo que os alimentos e as superfícies sejam vistos em suas cores reais.

Lavanderia

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, lavanderia, bancada preta.
(Erika Waldmann/Divulgação)

A lavanderia conta com amplo espaço de armazenamento, mantendo tudo ao alcance, mas fora de vista.

Continua após a publicidade

Sala de TV e home office

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, home office, bancada preta.
(Erika Waldmann/Divulgação)

Na concepção do novo layout, a arquiteta Danyela Correa converteu um dos quartos em sala de TV | home office, simbolizando uma mudança de paradigma por agregar duas finalidades que atenderam aos desejos dos moradores.

Suíte do casal

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, cama, roupa de cama azul, armário com porta espelhada.
(Erika Waldmann/Divulgação)

Em uma aposta certeira, a paleta soft foi eleita para um ambiente sereno e foi complementada com a iluminação difusa e direcionada que deixa o dormitório ainda mais acolhedor. “Investir tempo e cuidado nos detalhes transformam o cômodo em um refúgio perfeito para relaxar e recarregar as energias” avalia a profissional.

Entre os destaque da suíte, está a repaginação do banheiro, que ficou mais prático e otimizado. Para o quarto, investiu-se numa cartonagem dupla nas paredes com drywall, além do acréscimo de forro e janela acústicos, devido ao barulho que o morador escutava do apartamento vizinho. “Ele nos pediu soluções para conquistar mais privacidade sonora”, detalha arquiteta Danyela Corrêa.

Quarto do filho

Cartonagem dupla nas paredes garante silêncio no quarto deste apê. Projeto de Danyela Corrêa. Na foto, quarto infantil, beliche.
(Erika Waldmann/Divulgação)

Agora com 5 anos, o dormitório do menino foi atualizado para o seu momento atual. A cama elevada abriu espaço para uma extensa bancada de estudo e uma estrutura de marcenaria para guardar os seus brinquedos. “A marcenaria nos permitiu entregar um ambiente descontraído que acompanhará o seu crescimento”, avalia a arquiteta, que é mãe de duas meninas.

Confira mais fotos abaixo:

Continua após a publicidade
Publicidade