Projeto sustentável abriga 800 espécies de corais na Austrália

O Living Coral Biobank é um moderno centro de conservação que poderá ser visitado

Por Larissa Faria 9 nov 2020, 16h31
Contreras Earl Architecture/Casa.com.br

Os escritórios estão cada vez mais preocupados em desenvolver projetos arquitetônicos que não causam impactos negativos à natureza. Alguns deles até se integram à paisagem e ajudam a preservá-la, como é o caso do Living Coral Biobank, na Austrália, do estúdio Contreras Earl Architecture.

Os tanques abrigarão mais de 800 espécies de corais que poderão ser vistas pelo público Contreras Earl Architecture/Casa.com.br

A estrutura, que é formada por lajes de concreto verticais sobrepostas, abrigará mais de 800 espécies de corais em laboratórios e tanques. A localização é estratégica: este centro de pesquisa e conservação especializado nos seres marinhos fica próximo à entrada da Grande Barreira de Corais, na cidade de Port Douglas.

Contreras Earl Architecture/Casa.com.br

A construção teve seu design inspirado na espécie de corais cogumelo, que lembra um leque totalmente aberto. A parte inferior é fechada no nível do solo para proteger os corais de inundações e aberta no topo para permitir a entrada de luz natural. A energia elétrica é gerada com painéis solares. Será possível conhecer os quatro andares de instalações, como salas de aula, auditório e área de exposições.

Continua após a publicidade

Publicidade