Construção geminada e estreita com soluções de iluminação

Com seus invernos rigorosos, o município de Stavanger, terceira maior zona urbana da Noruega, conserva boa parte do casario original dos séculos 18 e 19

Por Silvia Gomez Atualizado em 9 set 2021, 11h06 - Publicado em 26 abr 2018, 10h00

“As cidades nórdicas têm uma longa tradição de residências austeras, pequenas e de madeira apertadas em comunidades densamente povoadas. Em regiões de recursos escassos, essa forma de construção maximiza a eficiência energética, o acesso à luz do dia e o controle térmico”, diz o arquiteto Tor O. Austigard, autor deste projeto ao lado de Hildegunn Slotnæs, ambos do escritório Austigard Arkitektur. Inspirada nessa tipologia, a solução compacta pensada por eles se distribui em três andares, encaixando recortes envidraçados aqui e ali, da fachada frontal à cobertura, que conta com iluminação zenital.

Um pequeno banco aproveita o espaço rente à janela. A madeira reveste todo o interior, aquecendo os ambientes: pínus escurecido no piso e faia clara nas paredes. Recortes de vidro no teto trazem claridade também de cima. Au stigard Arkitetur AS + Emile Ashley/Divulgação
Publicidade