Teatro musical de Massimiliano Fuksas na Geórgia parece um instrumento

O complexo cultural é formado por dois volumes esculturais e tubulares

Por Texto: Gabriela Domingues Fachin Atualizado em 21 dez 2016, 00h32 - Publicado em 10 jun 2016, 18h05
01-teatro-musical-de-massimiliano-fuksas-na-georgia-parece-um-instrumento

Com aparência de um instrumento musical, os dois elementos esculturais tubulares de um complexo cultural em Tbilisi, capital da Geórgia, se abrem para o verde do Parque Rhike. O edifício projetado pelo estúdio do arquiteto italiano Massimiliano Fuksas vai abrigar um teatro musical e um espaço de exposição.

02-teatro-musical-de-massimiliano-fuksas-na-georgia-parece-um-instrumento

O primeiro volume é destinado ao teatro, que conta com um auditório para 566 pessoas e uma cafeteria. Já o hall de exposições tem uma escadaria para a área pública, convidando os visitantes a entrar.

03-teatro-musical-de-massimiliano-fuksas-na-georgia-parece-um-instrumento

A forma afunilada dos dois volumes, conectados por uma parede de retenção compartilhada, foi criada como um periscópio que enquadra vistas do rio e da cidade histórica.

04-teatro-musical-de-massimiliano-fuksas-na-georgia-parece-um-instrumento 05-teatro-musical-de-massimiliano-fuksas-na-georgia-parece-um-instrumento
Continua após a publicidade

Publicidade