Casa Created with Sketch.

IAB questiona contratação de arquitetos suíços para fazer o teatro de dança de SP

Instituto se reuniu com Secretário de Cultura e pediu explicações sobre o processo de escolha do escritório Herzog & De Meuron

O Instituto Brasileiro de Arquitetos do Brasil (IAB) se reuniu ontem com o Secretário de Cultura do Estado de São Paulo, João Sayad, com o intuito de reivindicar explicações sobre o processo de escolha do escritório de arquitetura suíço Herzog & De Meuron para tocar o projeto do teatro de dança de São Paulo. O teatro servirá de sede da São Paulo Companhia de Dança. O projeto, com previsão de conclusão para 2010, teve um investimento de R$ 300 milhões de reais e os arquitetos escolhidos devem receber entre 6,5% e 8,5%, o que representa de R$ 19,5 milhões a R$ 25,5 milhões.

Segundo a conselheira do IAB, Nádia Somekh, que esteve presente na reunião com o secretário de cultura, a escolha do escritório Herzog & De Meuron não ocorreu de forma transparente e o Instituto suspeita que possam ter havido negociações ilegais no processo de contratação. O IAB entregou uma carta ao secretário Sayad em que pede esclarecimentos sobre o processo de escolha do escritório suíço. O IAB frisou que não é contrário à contratação de arquitetos estrangeiros para tocar o projeto, desde que a escolha seja feita com transparência. Leia abaixo a carta do IAB na íntegra.

São Paulo, 12 de novembro de 2008-11-13

EXMO.

SECRETARIO DA CULTURA DO ESTADO DE SÃO PAULO

DR. JOÃO SAYAD

O Instituto de Arquitetos do Brasil, Departamento de São Paulo, neste primeiro contato com V.Excia. gostaria de cumprimentá-lo pelo trabalho desenvolvido até então na pasta da Cultura do Estado de São Paulo.

Queremos frisar que em nenhum momento estamos sendo contrários à participação de estrangeiros, que poderiam participar em igualdade com nossos arquitetos brasileiros, que muito têm para contribuir com nossa cultura.

Entretanto preocupa-nos a forma pouco transparente em que ocorreu a escolha do escritório que fará o projeto do Teatro de Dança, bem como o papel e o espaço que os arquitetos locais terão para desempenhar no sentido de atribuir a maior qualidade a este novo espaço público.

Dentro desse quadro solicitamos, mui respeitosamente à V.Excia. esclarecimento a respeito das questões acima expostas. Para isto nos colocamos à disposição para maiores observações sobre este debate, bem como ilustrar nossa posição.

Certos de vossa atenção, aproveitamos a oportunidade para renovar nossos protestos de estima e consideração.

Arq. Rosana Ferrari

Presidente – IAB-SP

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s