Oxford apresenta os vencedores de sua 5ª Premiação de Design

Com avaliação de um júri técnico, os premiados foram escolhidos entre 50 finalistas!

Por Yara Guerra Atualizado em 17 fev 2020, 15h42 - Publicado em 26 nov 2019, 20h38
Linha “Etéreo Amanhã”, de Gabriel Felipe Sherer. Oxford/Divulgação

Compromissada com linhas completas para os momentos do cozinhar, servir, organizar e decorar, a Oxford também é a responsável pelo Prêmio Oxford de Design, em sua 5ª edição em 2019.

O evento, que propõe o desenvolvimento de uma estampa de aparelho de jantar, ocorreu este ano sob o tema “Que futuro você vê“. Vencedor do concurso, o paranaense Gabriel Felipe Sherer elaborou o projeto “Etéreo Amanhã”, inspirando-se na esperança que o amanhã traz ao futuro.

“Empatia é o caminho”, de Taine da Silva Gonçalves. Oxford/Divulgação

Segundo Sherer, que é natural de Foz do Iguaçu, ‘’a esperança no amanhã nos mantém sãos, é ela que faz-nos crer na calmaria após a tempestade; no arco íris depois da chuva; no triunfo da nova folha que ousa brotar. A esperança nos permite confiar, com base em vivências e experiências, que o amanhã pode ser um dia melhor, e que momentos de turbulentos passam”.

Além do prêmio de R$7.000, Gabriel Felipe Sherer terá sua linha produzida para ser comercializada no e-commerce da Oxford.

Continua após a publicidade

Oxford/Divulgação

Em segundo lugar, foi eleito o conjunto “Empatia é o caminho’’ de Taine da Silva Gonçalves, de Irenê, Bahia.

De Vitória, Espírito Santo, o Rogério Toldo Macedo Campos conquistou o terceiro lugar com a arte “O futuro é uma astronave que tentamos pilotar”.

Realizada completamente na internet, a competição aconteceu em três etapas: votação popular, onde foram escolhidas os 30 mais votados; depois, as demais foram avaliadas pelos três vencedores da última edição, que definiram mais 20 artes; e, por último, os 50 finalistas foram julgados pelo júri técnico composto pelo artista pernambucano Derlon Almeida, a artista plástica e estilista Rita Wainer e a empresária Andrea Bisker.

Oxford/Divulgação

Para esta edição, inscreveram-se mais de 600 candidatos, com 478 projetos aprovados. Durante o período de votação, 100 mil pessoas passaram pelo site e 20 mil votos populares foram computados.

Continua após a publicidade

Publicidade