Novo hotel parisiense é decorado pela Maison Martin Margiela

O hotel é um palácio de miragens repleto de sofisticados trompe l'oeils.

Por Reportagem Marilane Borges Foto Martine Houghton e Laurianne Folinais Atualizado em 14 dez 2016, 12h28 - Publicado em 31 out 2011, 14h42
A disposição do mobiliário e as peças decorativas das suítes se assemelh...

Localizado no epicentro das lojas de luxo e alta-costura, o La Maison Champs Élysées, imponente hotel particular do século 19, com fachada do Primeiro Império e construído no mais puro estilo Napoleão III, foi totalmente reformado e abriu suas portas com uma repaginação completa. O lifting decorativo das 17 suítes couture ficou a cargo da Maison Martin Margiela, que recebeu carta branca para investir com ousadia todo seu talento criativo. Do chão ao teto, a decoração parece surreal, com objetos inusitados, papéis de parede à la belle époque, onde falsas perspectivas, fotografias e espelhos complementam a atmosfera teatral deste luxuoso hotel parisiense. As suítes brancas têm decoração refinada e fantasmagórica graças ao tecido fetiche do designer, o algodão branco, que envolve tudo ao redor.

Publicidade