Social amplo e com boas soluções

A marcenaria é o ponto alto da sala: painéis integrados revestidos de laca cinza abrigam TV e nichos, camuflam a porta de correr de acesso aos quartos e formam a estrutura que abraça o ar-condicionado e o aquário

Por Texto: Daniella Grinbergas | Fotos: Paueica Coimbra Atualizado em 9 set 2021, 23h24 - Publicado em 7 fev 2017, 10h48

O imóvel era quase um quarentão e estava cheio de problemas, a começar pelo encanamento enferrujado. Pretexto perfeito para uma reforma, já que seria preciso partir para o quebra-quebra de paredes. “Decidi alterar o layout porque via problemas: a sala era estreita demais”, conta a moradora, a arquiteta Paueica Coimbra, que comandou a obra ao lado das designers Ana Lucia Correia e Patrícia Calmon, suas sócias no escritório Espaço Interior. Seis meses depois, a nova distribuição ficou perfeita para ela e o marido, Guilherme.

Pensando em melhorar a circulação no estar e deixar a entrada livre, uma das divisórias foi recuada em 90 cm, onde as arquitetas projetaram a parede de tijolinhos aparentes – repare na viga estrutural que ficou no teto, demarcando a posição original da alvenaria. 

A marcenaria é o ponto alto da sala: painéis integrados revestidos de laca cinza abrigam TV e nichos, camuflam a porta de correr de acesso aos quartos e formam a estrutura que abraça o ar-condicionado e o aquário – a manutenção e o tratamento da água são feitos por portas de fecho-toque localizadas na parte inferior. Os demais acabamentos em laminado de peroba aquecem a decoração.

Continua após a publicidade

Publicidade