Final feliz: bica na parede

“Queria algo autoral em minha casa”, diz a publicitária Leila Raso a respeito da fonte em seu sobrado de vila. Ceramista nas horas de lazer, Leila criou o revestimento colorido que embeleza o cantinho. “Pintei as pastilhas cerâmicas com tinta orgânica, queimei e colei na base.” A água cai de uma bica na parede de tijolos patinados. “O som alcança todos os espaços voltados para o quintal, trazendo sossego”, conta. “Não dá para ter paz apenas quando vamos para a praia, não é mesmo? A busca do equilíbrio deve ser diária.”

Por Foto: Salvador Cordaro Atualizado em 9 set 2021, 23h11 - Publicado em 25 fev 2017, 16h57
Publicidade