Casa Created with Sketch.

As melhores plantas para sua sala de estar

Veja dicas para saber quais plantas são perfeitas para decorar um dos principais cômodos da sua casa!

Sala de estar clara, com móveis em tons de branco e bege, com uma mesa de centro verde e plantas nos cantos

A sala de estar é onde você e sua família provavelmente passam a maior parte do tempo, tornando-a o espaço perfeito para se transformar em uma selva interna. Veja as melhores plantas para sua sala junto com algumas dicas para incorporá-las ao seu espaço!

Dica 1: Coloque plantas de tamanhos diferentes

 

Canto da sala de estar ao lado do sofá, com plantas de diversos tamanhos e cores

 (Reprodução/bloomscape)

Adicione profundidade, cor e textura ao seu espaço, colocando grupos de plantas em camadas. Plantas menores no chão servem para camuflar espaços de armazenamento e esconder os cabos elétricos. Não tenha medo de escolher plantas ousadas e coloridas como uma Dracena ou Bromélia, especialmente se a decoração da sua sala for mais neutra.

Sala de estar com um sofá cinza, emsa de centro branca, tapete e plantinhas ao lado do sofá

 (Yehleen Gaffney/Unsplash)

Além disso, as plantas prosperam quando são agrupadas – elas criam um microclima que criará e manterá melhores níveis de umidade.

Dica 2: Use plantas como ponto focal

 

Canto da sala de estar com poltrona, envolta por plantas de diversos tamanhos e cores

 (Reprodução/bloomscape)

Se sua sala de estar é grande ou tem poucos móveis, preencha as lacunas visuais com uma planta grande como Areca-bambu, Estrelícia, Costela-de-Adão ou Banana-de-macaco. Se você tem uma família que está sempre fora de casa ou se não tem o dedo verde, um Espada de São Jorge ou uma Zamioculcas são ótimas opções de baixa manutenção.

Veja também

Dica 3: Preste atenção a crianças e animais de estimação

 

Criança abrançando uma planta de porte grande

 (Reprodução/bloomscape)

É importante garantir que suas plantinhas sejam seguras para seus animais de estimação e crianças. Escolha plantas maiores que seus filhos, assim eles não serão capazes de pegar e brincar, como a Palmeira de gato ou a Pata de elefante, e manter fora do alcance quaisquer plantas espinhosas, como cactos.

Gato cinza cheirando uma planta com frutinhos

 (Milada Vigerova/Unsplash)

A maioria das plantas de casa é completamente atóxica, a menos que sejam ingeridas, mas se seus filhos estão curiosos ou seus amigos peludos gostam de mastigar, opte por plantas que não tenham efeitos nocivos em caso de ingestão.

*Via Bloomscape

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.