Plantas que limpam o ar, segundo a NASA!

O ‘estudo de ar puro’ investiga as propriedades de filtragem natural da vida vegetal

Por Luiza Cesar Atualizado em 18 jun 2021, 11h24 - Publicado em 18 jun 2021, 15h00
Reprodução/Pinterest

A NASA, Administração Nacional da Aeronáutica e Espaço – agência do Governo Federal dos EUA -, conduziu um estudo em 1989 como resposta à “síndrome do edifício doente”, nome dado apenas no final do século 20 ao conjunto de doenças causadas ou estimuladas pela poluição do ar e falta de ventilação natural em espaços fechados. 

A troca de ar fresco em edifícios foi sacrificada em favor do uso reduzido de energia. Para diminuir o custo de aquecimento e resfriamento de um edifício, os interiores eram super isolados e vedados.

Veja também

A equipe de pesquisadores da NASA concluiu que, além do uso de materiais de construção mais seguros e da minimização da ventilação mecânica, a poluição interna pode ser amenizada com a introdução de plantas. Logo, certas mudas podem atuar como um filtro natural para remover poluentes orgânicos – benzeno, formaldeído e tricloroetileno foram testados. 

Continua após a publicidade

O estudo, que durou dois anos, organizou uma coleção de plantas que foram colocadas em uma câmara de ar selada e exposta à alta concentração dos produtos químicos. Documentando, então, a porcentagem do produto químico que foi removido do espaço lacrado após um período de 24 horas. 

Confira a lista das 18 principais plantas que a NASA determinou como as mais eficazes em filtrar naturalmente os poluentes do ar interno:

 

*Via Designboom

Continua após a publicidade

Publicidade