Orelha de gato: como plantar essa suculenta fofinha

Fãs de suculentas e jardineiros de primeira viagem, essa planta é para vocês!

Por Redação Atualizado em 9 jun 2022, 13h45 - Publicado em 9 jun 2022, 19h00
Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Adrienne Legault/the spruce

Se você já comprou suculentas, provavelmente já viu uma orelha de gato. São plantas de casa extremamente populares, porque são muito fáceis de cuidar.

Elas são vendidas na maioria dos viveiros, centros de jardinagem e lojas de plantas, e facilmente identificáveis porque a Kalanchoe tomentosa é caracterizado por folhas difusas azul-esverdeadas que são bordadas com vermelho escuro ou marrom chocolate. As orelhas de gato vêm em vários tamanhos, de pequenas a quase 75 cm de altura.

Felizmente, suculentas orelha de gato são crescimento lento e não são propensas a pragas ou doenças graves. Essas suculentas pequenas e resistentes vão prosperar o ano todo plantadas em vasos.

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Kelvin Sterling Scott/Getty Images
  • Nome botânico Kalanchoe tomentosa
  • Nome comum orelha de gato
  • Tipo de planta suculenta
  • Tamanho maduro 75 cm de altura
  • Exposição ao sol luz brilhante e filtrada
  • Tipo de solo bem drenante
  • pH do solo 6.1-7.8
  • Tempo de floração verão
  • Cor da flor vermelho
  • Área nativa Madagáscar
  • Toxicidade Tóxico para humanos e animais

Cuidados com orelha de gato São suculentas de crescimento vertical da família Crassulaceae, nativas de Madagascar. Além de fáceis de cuidar requerem menos luz solar do que a maioria de outras espécies suculentas. Consequentemente, as orelhas de gato prosperam em ambientes fechados, embora quase nunca floresçam quando cultivadas dessa forma.

Iluminação

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Manuel de la Fuente/Pixabay/Reprodução

As orelhas de gato apreciam a luz brilhante e indireta. Kalanchoe tomentosa não se adapta bem ao sol direto e é suscetível à queima de folhas. Se você perceber que ela está ficando com folha retorcidas, mova-a para um local mais iluminado.

Água

Podem ser caracterizadas como tendo baixas necessidades de água. Deixe o solo secar completamente entre as regas, especialmente nos meses de inverno, quando a planta está dormente. Elas podem exigir rega mais frequente nos meses quentes de verão.

Solo

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Dan Keck/Flickr

Tal como acontece com a maioria das suculentas, as orelhas de gato requerem solo seco e bem drenado. Uma mistura de solo de cactos ou suculentas é suficiente; pode ser adquirido na maioria dos centros de jardinagem e viveiros.

Temperatura e Umidade

Não há necessidade de se preocupar com a umidade; elas gostam de condições secas! A umidade média doméstica é perfeita para essas suculentas.

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Leonora Enking/Flickr

No entanto, não são tão tolerantes ao calor quanto outras espécies suculentas. Elas podem sofrer com calor extremo, especialmente se forem cultivados ao ar livre nos meses de verão. Tenha isso em mente ao escolher um local para elas.

Além disso, lembre-se de que não são resistentes ao frio. Se você levar sua orelha de gato ao ar livre no verão, lembre-se de trazê-la de volta para dentro ao primeiro sinal do inverno.

Fertilizante

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Adrienne Legault/the spruce
Continua após a publicidade

A fertilização regular não é necessária. No entanto, fertilizar uma vez no início da estação de crescimento (meses de primavera) pode ajudar a estimular um crescimento forte. Um fertilizante de cactos ou suculentas é o melhor.

Poda

Geralmente não se tornam grandes e pesadas o suficiente para precisar de grandes quantidades de poda, além de cortar brotos mortos e indesejados. Se a sua precisa mais do que isso, encontre um profissional para ajudá-lo com o trabalho.

Propagação

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Adrienne Legault/the spruce

Se propagam prontamente, embora as suculentas de folhas difusas sejam notoriamente mais difíceis de propagar do que as suculentas regulares, portanto, algumas tentativas e erros podem ser necessários.

Para propagar uma orelha de gato por separação de folhas, escolha uma folha saudável na suculenta para usar. Remova delicadamente a folha felpuda girando-a lentamente no sentido horário e anti-horário até que ela “salte” do caule.

Certifique-se de que é uma separação limpa, o que significa que nenhuma parte da folha é deixada no caule; as folhas devem ser separadas de forma limpa para propagar com sucesso.

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Joe Mabel/Wikimedia Commons

Coloque a folha separada em uma bandeja cheia de terra para vasos, em um local que receba luz direta e indireta. Dentro de duas a três semanas, você deve notar pequenas raízes crescendo no final da folha separada. Comece a regar suavemente as novas raízes a cada dois dias.

Eventualmente, uma pequena roseta crescerá no final da folha. Deixe a folha-mãe presa à nova planta até que ela caia sozinha; está fornecendo energia e nutrientes à nova planta!

cortes de suculentas descansando para criar calos
Ava Peterson/Alamy Stock Photo/Gardeningetc

Orelhas de gato saudáveis e maduras também crescem prontamente, podem ser separadas e cultivadas como novas plantas. Permita que a ramificação cresça por alguns meses até que crie suas próprias raízes e seja forte o suficiente para sobreviver de forma independente.

Em seguida, pegue uma tesoura afiada ou tesoura de poda e faça um corte limpo para separar o ramo. Deixe o caule cortado da ramificação calejada por um dia e depois plante a nova planta em um substrato de vasos. Não regue até que as raízes comecem a se formar, em aproximadamente duas a três semanas.

Envasamento

Suculenta orelha de gato. Folhas gordinhas bordadas por um tom de vermelho bem escuro.
Adrienne Legault/the spruce

Como as plantas são de crescimento relativamente lento, elas só precisam ser replantadas conforme necessário – geralmente, uma vez a cada dois anos. Se você for replantar, é melhor fazê-lo durante a estação de crescimento ativa, pois ela poderá tolerar distúrbios mais facilmente.

As orelhas de gato não são exigentes com seus recipientes de envasamento e podem se sair bem quando colocadas em praticamente qualquer vaso.

No entanto, lembre-se de que um vaso com um orifício de drenagem ajudará a evitar o excesso de água. Além disso, suculentas como esta se dão bem em vasos de terracota, pois ajudam a absorver o excesso de água do solo.

*Via The Spruce

Continua após a publicidade

Publicidade