Casa Created with Sketch.

Como cultivar brinco-de-princesa

A flor está disponível em uma variedade de cores e combinações!

 (Kara Riley/the spruce)

Esta linda muda, com formato de pendentes, se chama brinco-de-princesa. Ela é uma espécie híbrida, gerada a partir do gênero Fuchsia.

Além de uma extensa gama de cores e combinações, os ramos podem ser criados como flores simples, duplas ou semi-duplas. Insira na sua decoração em cestos suspensos ou vasos, dando um toque de cor para a casa.

 (Kara Riley/the spruce)

Por muito tempo, a planta foi considerada como de exterior, sendo frequentemente jogada fora depois que a floração termina. Porém, depois de passar por um tempo com pouca atividade, um novo conjunto de brotos surgirá. Assim que as folhas caírem, reduza a irrigação e leve-a para um quarto fresco e escuro. 

Para entender melhor sobre a brinco-de-princesa, separamos alguns fatos e cuidados importantes. Saiba o que fazer para que elas cresçam de forma saudável:

 (revistajardins.pt/Reprodução)

Luz

A planta gosta de luz brilhante, mas não deve receber pleno Sol – considere a última alternativa apenas se conseguir manter as raízes adequadamente úmidas e frescas. Usá-las como ramos de sombra também é bom método, por isso são consideradas ótimos tipos para o interior.

Água

Fique atento com a estação de crescimento, pois o solo precisa ser mantido continuamente úmido. Raízes quentes e secas farão com que ela morra. Logo, certifique-se de que estejam sempre frescas e regadasApós a floração, diminua a água em preparação para a hibernação.

 (Kara Riley/the spruce)

Temperatura

Por crescer em torno de 21 graus celsius , deixar ela quente por muito tempo não é saudável. Durante o período de inverno, a temperatura ideal é de 10 ou 15 graus.

Solo

Uma mistura rica e de drenagem rápida é a melhor escolha.

Veja também

Fertilizante

Durante a estação de crescimento, fertilize muito! A espécie é uma grande alimentadora e muitos cultivadores a alimentam com um fertilizante líquido fraco a cada rega (semanalmente) nesse período.  Opte, também, pelos pellets de liberação controlada. 

Propagação

Para uma fácil propagação, corte as pontas das folhas. Para melhores resultados, use um hormônio de enraizamento. 

Após a retirada das mudas, posicione-a em local bem iluminado e com alta umidade. Outro cuidado importante é manter o solo continuamente úmido, mas não encharcado. Assim, um novo crescimento deve surgir dentro de algumas semanas. 

 (Kara Riley/the spruce)

Replantação

Atenção, não transfira os ramos para um novo local até que estejam estabelecidos ou quando estiverem com pouca atividade, no inverno. 

Além disso, elas requerem um rico suprimento de matéria orgânica para florescer e ter um melhor desempenho. Sendo assim, tente replantar a muda em um outro vaso com um novo solo, mesmo que não esteja transferindo-a para um compartimento maior.

Adicione alguns grânulos de fertilizante de liberação controlada para deixá-la mais forte.

 (cultivandoplantas.com.br/Reprodução)

Como evitar problemas?

Para não ter presença de fungos e pragas, tome cuidado para as folhas não tocarem sujeiras. 

As moscas brancas podem ser um problema para a brinco-de-princesa e devem ser tratadas ao primeiro sinal de uma infestação – busque por teias brancas na parte inferior das folhas. Ao tratar, pulverize bem a parte de baixo das folhas para interromper seu ciclo de vida.

*Via The Spruce

Veja também
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.