Casa Created with Sketch.

MDW 2019: árvores invadem arquitetura e estrutura da Universidade de Milão

Idealizada pelo estúdio Piuarch, a instalação La Foresta Dei Violini presta homenagem às árvores atingidas por uma tempestade em 2019, no Vale do Fiesta

 (Reprodução/Casa.com.br)

Natureza e arquitetura unidas sempre despertam bons sentimentos e harmonia. Porém, os italianos e visitantes de outros países, ao entrarem no pátio da Universidade de Milão, durante a Semana de Design de Milão, surpreenderão-se ao ver árvores suspensas e imersas nas estruturas da construção emblemática italiana.

 (Reprodução/Casa.com.br)

Idealizada pelo estúdio Piuarch, a instalação La Foresta Dei Violini presta homenagem aos milhões de árvores atingidas por uma tempestade no ano passado no Vale do Fiesta (Trentino-Alto Ádige), rica em um tipo de madeira que é matéria para criação de violinos com os melhores sons.

 (Reprodução/Casa.com.br)

A instalação inclui dois grandes troncos de abeto, que emergem da galeria do pátio principal da universidade. Suas raízes ficam suspensas no vazio, com vista para uma balaustrada no pátio, e apoiadas por um cavalete arquitetônico feito de madeira de abeto vermelha trabalhada.

A obra atua como um reflexo da relação entre a natureza e a música, uma homenagem ao território, às florestas e a sua ausência, representando um lugar de memória e um testemunho da natureza violada, onde a arquitetura é tanto um apoio como também um alívio.

“Queremos celebrar a arquitetura primordial da floresta, respeitando suas estruturas e formas de interseção com o planeta e seus habitantes. Esse projeto evoca a capacidade da natureza de se comunicar com os seres humanos, convidando-os a observar com tato suas regras, cuidando disso e seguindo a ordem natural da Natureza”, explica o escritório.

Serviço La Foresta Dei Violini

Quando?

14 de abril, das 10h30 às 12h

De 15 a 19 de abril, das 10h30 às 22h00

Onde?

Universidade de Milão – Via Festa del Perdono, 7, 20122 Milano MI, Itália

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.