Casa Created with Sketch.

Como decorar a casa para o Natal gastando pouco?

A arquiteta Cris Gusmão dá três dicas valiosas para quem quer entrar no clima de Natal de forma econômica. Confira!

 (Divulgação/Casa.com.br)

A gente sabe que a contagem regressiva e coletiva para o dia 24 de dezembro já começou, e nada melhor do que aproveitar uma das épocas mais esperadas do ano para preparar uma decoração cheia de significado, não é? Reunir a família e curtir o Natal é sempre maravilhoso, mas fica ainda mais especial quando a gente se sente imerso na energia da data comemorativa.

Para te ajudar a deixar a casa em clima natalino sem gastar muito tempo ou dinheiro, a arquiteta Cris Gusmão, especializada em design e arquitetura de interiores, preparou algumas dicas simples e fáceis de executar. Confira abaixo!

Aproveite itens da época

 (Divulgação/Casa.com.br)

Investir em itens baratos que são a cara da época, como velas e laços, é uma opção certeira. Em muitas cidades, esses objetos são fáceis de encontrar e os preços são bem acessíveis.

Com eles, mesmo quem não tem muita habilidade com decoração consegue preparar uma linda decoração.

Use o que já tem

 (Divulgação/Casa.com.br)

Apostar nas cores convencionais (como vermelho, verde, branco e dourado) em capas de almofadas ou em outros objetos de decoração não tem erro.

Afinal, muitas vezes essas cores remetem aos bons momentos vividos em natais passados e às memórias de infância, além de conseguir reaproveitar os objetos para decorar a casa ao longo do ano.

Use a criatividade

 (Divulgação/Casa.com.br)

E para quem não abre mão da tradicional árvore de Natal, é possível fazer uma decoração charmosa e com itens que geralmente temos em casa. Que tal reunir a família para criarem juntos? Caixas de fósforo embaladas como se fossem pequenos presentes e pinhas pintadas a mão pelas crianças podem ser penduradas, e o algodão ainda pode ser espalhado em alguns galhos para dar a impressão de neve.

”No final, o que vai importar não é o valor investido nos enfeites usados na decoração, mas sim o fato de unir toda a família para um momento divertido na hora de confeccionar os enfeites e construir lembranças em um fim de ano inesquecível”, finaliza Cris.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.