Sistema Xenon Lighting oferece claridade homogênea em sala de estar

Projeto com xênon surpreende

Por Por Mayra Navarro (visual) e Tatiane Domiciano (texto) Atualizado em 14 dez 2016, 12h56 - Publicado em 9 out 2014, 20h17
01-sistema-xenon-lighting-oferece-claridade-homogenea-em-sala-de-estar

Na cobertura assinada pela carioca Paula Neder, os diferentes planos do teto e os recortes para encaixe das lâmpadas foram definidos por pilar e vigas. Nas sancas, estrela o sistema Xenon Lighting (La Lampe), responsável pela claridade homogênea que se difunde pela ala social. “Esse tipo de lâmpada tem temperatura de cor [tonalidade medida em K] agradável e baixo consumo de energia, além de ser durável”, destaca Paula.

02-sistema-xenon-lighting-oferece-claridade-homogenea-em-sala-de-estar

– Refletor criativo: a viga metálica que apoia a piscina, situada no piso superior, foi assumida na luminotécnica e, aparente, faz as vezes de luminária indireta.

– Claridade total: a xênon reproduz fielmente as cores (índice de reprodução de cor (IRC) de 100%). Aparece na versão 5 W e 2,8 mil K nas sancas e com 216 W nas arandelas modelo Vertical II. Tudo feito pela La Lampe.

– Pequena notável: “Dicroicas são ótimas para destacar pontos específicos, desde que o pé-direito não seja muito alto”, diz Paula. Aqui, spots Ar 70 e 50 W (trend uP III, da La Lampe) direcionam-se para a tela.  

– Parece led, mas não é: encaixadas num vão de 10 cm de profundidade, fluorescentes tubulares T5 – opção econômica –, com gelatina para corrigir a cor, valorizam o rack, mais abaixo.  

Fontes: Associação Brasileira da Indústria de Iluminação (Abilux) e Associação Brasileira de Arquitetos de Iluminação (Asbai)

Continua após a publicidade

Publicidade