Casa Created with Sketch.

Reforma: trio de arquitetos sugere acabamentos para cozinha

Desenhar e redesenhar espaços em busca da perfeição: um lugar funcional, belo, sem frescuras e com boa porção de cor e alegria. Sempre no tom, conheça o DT Estudio

00-reforma-trio-de-arquitetos-sugere-acabamentos-para-cozinha

 (/)

Jovens, cheios de ideias e com os pés bem plantados no chão, Thais Aquino, Luis Felipe Bernardini (à dir.)e Marcelo Nunes tocam afinados na parceria do DT Estudio. Unidos pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo(FAU/USP), onde se conheceram, e juntos desde 2011 no escritório paulistano, os três se destacam pelo estilo despojado e pelo uso inteligente de cores e materiais inovadores. Habituados aos pequenos espaços de hoje, eles não fogem ao desafio de deixar mesmo o mais exíguo deles com jeito de casa – contemporânea, claro – e quase sempre com toques retrô, como no apartamento ao lado, em que figuram soluções caprichadas.

01-reforma-trio-de-arquitetos-sugere-acabamentos-para-cozinha

 (/)

 

 

 

1. Os azulejos (10 x 20 cm) da linha Mind the Gap são inspirados no metrô de Londres. A versão branca se chama Beatles. Da Decortiles, por R$ 47 o m2.

2. Sintética e bem resistente, a pedra Silestone white diamond custa R$ 1 004,84* o m2, na Di Mármore.

3. Feita de MDF próprio para áreas molhadas e com pintura do tipo gofrato (fosca e mais durável do que a laca), a marcenaria saiu por R$ 6 mil, na Real Móveis.

4. O Tecnocimento no tom cinza sampa, da NS Brazil, foi também lixado de leve e impermeabilizado pela Pac Revest, que cobra R$ 90 pelo m2 aplicado em São Paulo.

5. A chapa de aço da Del-Fer Serralheria, de 0,30 x 1,70 m (R$ 400), recebeu pintura automotiva brilhante (R$ 750), aplicada pela Soluções Luz.

 

02-reforma-trio-de-arquitetos-sugere-acabamentos-para-cozinha

 (/)

Na cozinha, o trecho de azulejos retrô protege da água a alvenaria mais próxima da área de trabalho. Na bancada de Silestone, nada de excessos : apenas cooktop e pia. Em cor vibrante,o gabinete (3 m de comprimento) contrasta com os tons neutros dos revestimentos e da prateleira do micro-ondas.O piso de concreto original foi substituído por uma versão cimentícia e monolítica, que preserva a identidade brutalista do imóvel. Repare na faixa vermelha próxima ao teto: a faixa metálica esconde um defeito do pilar. Com acabamento brilhante, destaca o cinza do concreto.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s