Continua após publicidade

Inverno: aprenda a evitar e a tratar o mofo das paredes

Para evitar problemas com o mofo, é importante adotar medidas preventivas, além de manter a casa bem arejada

Por Redação
Atualizado em 12 jul 2023, 18h49 - Publicado em 20 jul 2023, 19h00

Com a chegada do inverno, muitas pessoas se deparam com um problema recorrente em suas casas: o surgimento de mofo. Devido aos dias mais frios e úmidos, essas condições climáticas são propícias ao crescimento de fungos e pode representar riscos à saúde.

A umidade relativa do ar tende a aumentar pela baixa temperatura e é comum que as pessoas fechem suas casas para manter o ambiente aquecido. Banheiros, cozinhas e áreas com infiltrações são os locais mais propensos para o seu aparecimento.

Para evitar problemas com o mofo, é importante adotar medidas preventivas, além de manter a casa bem arejada, abrindo as janelas e portas regularmente, mesmo nos dias mais frios. A professora e engenheira civil Iza Valadão, especialista parceira da Chatuba Materiais de Construção, lista algumas dicas essenciais que vão ajudar a proteger a casa durante o inverno e o restante do ano.

Fique sempre atento

Faça uma inspeção minuciosa em pontos vulneráveis como: janelas, portas, telhados e fissuras nas paredes. Sempre busque por pontos de umidade nesses locais, geralmente quando a água entra, ela deixa pequenas manchas por onde passa. Inicialmente, elas são amareladas e clarinhas, depois vai aumentando, até ficar bem escuro e até preto, quando o mofo já está instaurado.

Limpe e impermeabilize

É importante a utilização de produtos impermeabilizantes de alta qualidade como selantes e tintas especiais para limpar os cômodos. Os impermeabilizantes são usados para proteger a edificação da entrada da umidade. Se essa fase não for executada de forma correta e a patologia já estiver ocorrendo, é preciso limpar o local e fazer a impermeabilização corretiva.

Continua após a publicidade

Para a limpeza, basta pano úmido em água e vinagre. Limpe bem e jogue o pano fora, após a limpeza. Mofo é microrganismo e reaproveitar o pano pode levar o mofo para outros locais da residência.

Utilize a tinta antimofo

tinta
(Reprodução/Unsplash)

A tinta não é impermeabilizante e não substitui o seu uso. Mas, existem tintas que são antimofo e quando usadas em locais sujeitos a umidade proveniente de vapores, como banheiros, cozinhas e saunas, evitam o aparecimento de mofo. Já viu algum teto de banheiro com uns pontinhos escuros? Eles são os mofos que acabam aparecendo no teto, quando não é usado esse tipo de tinta.

Use impermeabilizantes em toda a casa

É recomendado o uso de impermeabilizante em toda a casa e de forma específica. Tem impermeabilizante que precisa ser aplicado junto a fundação da casa, outros que precisam estar no piso e em parte da parede de banheiros, outros são recomendados para paredes externas, tem os para uso no piso de varandas e casacas e os que são colocados nas lajes das edificações.

Continua após a publicidade

Prevenir é melhor e mais barato

A prevenção contra a umidade começa na preparação do solo onde ficará a edificação. O solo precisa ser compactado. Depois precisa ocorrer a impermeabilização da base da casa, geralmente feito nas contas, que são a base das paredes. Essa impermeabilização evita que a umidade presente no solo suba para as paredes.

Todas as paredes externas que receberão apenas tinta como revestimento precisam de impermeabilizante adequado para parede e todas as lajes também precisam ser impermeabilizadas. Outra espaço de bastante atenção é a área do box do banheiro e o encontro dos ralos – todas essas áreas precisam ser impermeabilizadas durante a construção!

Estima-se que os custos com uma impermeabilização corretiva, sejam cerca de 15 a 20 vezes o valor de uma impermeabilização preventiva.

Continua após a publicidade
Publicidade