Casa Created with Sketch.

Tarefas de casa que você só precisa fazer em ano bissexto

Conversamos com o arquiteto Décio Navarro para descobrir quais tarefas de manutenção da casa que você necessita fazer a cada quatro anos

pintura

 (/)

Quanto o assunto é manutenção da casa, há atividades que carecem ser realizadas todos os dias e outras que não necessitam ser feitas com tanta frequência. Há aquelas que podem ser feitas há quatro anos, só em ano bissexto. Conversamos com o arquiteto Décio Navarro e apresentamos, abaixo, quatro tarefas que podem ser colocadas em prática apenas em ano bissexto.

1. Fazer pintura geral interna e externa. Geralmente, as tintas têm uma “vida útil” informada na embalagem do produto. Quatro anos depois de pintar as paredes internas e externas de uma residência, as paredes começam a desbotar e descascar. Vale a pena reaplicar o material.

2. Verificar os rejuntes de azulejos e renová-los. Tal qual as tintas, os rejuntes podem começar a descolar e provocar grandes problemas, como infiltração. A dica, então, é renová-los após esse período caso eles estejam problemáticos.

3. Lixar superficialmente e fazer nova aplicação de resina sobre os assoalhos. É fato: com o uso, os assoalhos começam a ter riscos e perder o brilho e a beleza que apresentam após a aplicação. Então, para deixar seu chão mais charmoso, o indicado é reaplicar uma resina.

4. Fazer limpeza profunda em pedras e mármores, com lixadeira pesada e aplicar resina. Esses materiais também se desgastam com o tempo e perdem o brilho.

Gostou das dicas? Então, anote algumas tarefas que precisam ser realizadas anualmente e, outras, a cada década.

A cada ano 

1. Limpeza da caixa d’água. Feche a água da rua e use apenas a água da caixa até esvaziar.

2. Limpeza das calhas. O ideal é que esse procedimento seja realizado antes do período de chuvas.

3. Vistoria nas telhas para verificar se algumas quebraram. Também deve ser feito antes das chuvas.

4. Fazer dedetização geral. É importante para acabar com insetos.

A cada 10 anos

1. Verificar o estado dos fios e cabos elétricos.

2. Avaliar se houve mudança na carga (compra de mais aparelhos) e adequar os disjuntores no quadro de força.

3. Analisar se os caibros e ripas do telhado de madeira continuam em bom estado (rachaduras, curvaturas, cupim etc.).

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s