Casa Created with Sketch.

Casa em Curitiba une desenho moderno e eficiência ambiental

O projeto de linhas retas e cores sóbrias oferece iluminação e ventilação natural, captação de água da chuva e energia solar, e um belo terraço verde

 (Eron Costin/Casa.com.br)

Assinada pelo Estúdio 41, projetada pelo arquiteto Eron Costin, a Casa Hauer chama atenção pelo desenho elegante e livre de ornamentos desnecessários. Localizada no bairro homônimo, em Curitiba, a construção alia o visual contemporâneo com estratégias de eficiência energética e conforto ambiental.

 (Eron Costin/Casa.com.br)

Poucas são as curvas visíveis na estrutura que prioriza linhas retas. O branco preenche as paredes feitas em blocos de concreto e contrasta pontualmente com o preto, presente nos batentes e nas chapas metálicas, usadas na frente da casa. É justamente nesta área, na parte frontal, que reside um dos maiores charmes do projeto: a fachada transparente, que permite a integração total com a rua.

 (Eron Costin/Casa.com.br)

As janelas, formadas por compridos recortes na estrutura, proporcionam luz e ventilação natural. O vidro duplo foi a solução encontrada para evitar o aquecimento dos cômodos, nos quais há grande incidência do sol. Além disso, o posicionamento das aberturas foi alinhado à direção dos ventos predominantes.

 (Eron Costin/Casa.com.br)

“Nada sobrando, nem faltando”, levando essa máxima a sério, a construção ganhou medidas precisas: 119,20 m² – ocupando boa parte do terreno de 240 m². Na hora de elaborar o projeto, uma das maiores preocupações era criar espaço externo. O desafio foi cumprido, a casa tem 128 m² de área ajardinada, segmentada em três espaço: na parte frontal, em um pátio interno e no terraço.

 (Eron Costin/Casa.com.br)

Engana-se quem pensa que a função do terraço é simplesmente embelezar a composição. Acessível por uma escada lateral, a área verde gera maior isolamento térmico, protege a laje da ação direta do sol e também reduz a velocidade da água da chuva antes de chegar ao sistema de drenagem.

 (Eron Costin/Casa.com.br)

Um sistema de reaproveitamento permite que a água da chuva seja coletada pela calha do telhado e conduzida até uma cisterna, onde fica armazenada até ser distribuída para as torneiras.

 (Eron Costin/Casa.com.br)

Sobre a casa, também estão localizados oito painéis solares fotovoltaicos, cada um deles com capacidade de 270w. Ligados à rede pública, eles produzem mais energia do que a residência consome, gerando créditos aos proprietários.

 (Eron Costin/Casa.com.br)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s