Apartamento de 110 m² ganha novos ares com marcenaria e toques de cor

Uma porta de correr dá flexibilidade aos espaços e, quando fechada, se transforma em um elegante painel de madeira

Por Nádia Simonelli 27 ago 2020, 14h21
Denilson Machado (MCA Estúdio)/Casa.com.br

Quando um jovem casal de empresários resolveu mudar de casa, se encantaram por este apartamento de 110 m² no Leblon, Rio de Janeiro. Mas, como o imóvel era bastante antigo, precisou passar por uma reforma radical para adequar os ambientes ao gosto os moradores. E, quem se encarregou de criar um projeto sob medida, foi o arquiteto Gustavo Passalini.

No living, chama a atenção o tapete rosa em degradê (Galeria Hathi), que foi uma ideia do arquiteto e que os moradores toparam na hora, já que a base da decoração é neutra. O resultado não poderia ser mais charmoso. O acabamento cimentício, usado no piso e nas paredes criou uma ambientação contemporânea e versátil. “Fiz vários testes junto com a equipe que trabalhou na pintura até chegar ao cinza clarinho, quase off-white. Os moradores gostaram tanto do resultado que decidimos aplicar o mesmo acabamento no teto”, conta o arquiteto.

Denilson Machado (MCA Estúdio)/Casa.com.br

Ainda na área social, destaca-se um extenso banco de cimento, que se estende por toda a parede da TV e ser tanto de apoio para objetos, livros e equipamentos como de assento para a mesa de jantar.

A reforma integrou a cozinha e a sala, mas os ambientes também podem ser isolados quando necessário. É Gustavo desenhou uma porta de correr de tauari para formar um belo painel de madeira quando ela está fechada e, assim, camuflar a cozinha e a área íntima.

Outro ponto alto das mudanças foi o banheiro social, que ganhou um jeito de lavabo. “Eles queriam ter um lavabo no apartamento, mas a planta original não permitiu esse acréscimo”, explica o profissional. O arquiteto conseguiu esse efeito com o box espelhado, que delimita a área do banho e impede a vista do chuveiro no teto.

Continua após a publicidade

Para a suíte master, Gustavo reservou mais espaço e incluiu um closet atrás das portas de correr espelhadas. Os materiais naturais e a paleta de cores neutra segue também nesse ambiente, que ganhou um visual jovem e sofisticado.

Denilson Machado (MCA Estúdio)/Casa.com.br

Já o quarto de hóspedes também funciona como escritório e foi pensado para proporcionar máximo conforto às visitas, mas também ser prático no dia a dia. Assim, o arquiteto desenhou uma cama de casal com cara de sofá, e criou um clima despojado no ambiente.

Veja mais fotos deste projeto na galeria abaixo!

 

Continua após a publicidade

Publicidade