Casa Created with Sketch.

Sala de estar pequena: como otimizar espaço no cômodo

Separei algumas dicas de ouro para você deixar esse espaço confortável mesmo que a metragem seja bastante enxuta

Sala de estar após a reforma, projeto do arquiteto Ricardo Miura e da designer de interiores Carla Yasuda.

Sala de estar após a reforma, projeto do arquiteto Ricardo Miura e da designer de interiores Carla Yasuda. (/)

Costumo dizer que o living é o cartão de visitas da nossa casa. Mas mesmo que você tenha uma sala com metragem menor, alguns truques podem ajudar a deixar o seu espaço confortável e sem aperto.

A integração de ambientes é uma boa saída. Considere, então, alocar em uma área aberta sala de estar, jantar e cozinha. Na otimização de espaços, móveis ganham dupla função. Mas deixar a circulação livre é muito importante. Uma sugestão é substituir a mesa de centro por banquetas – além de servirem como apoio também funcionam como assento.

Apartamento de 35 m² Área de estar e cozinha integradas em apartamento de 35 m² projetado pela arquiteta Juliana Matalon, do Estúdio Ela Arquitetura, e Carol Dantas

Área de estar e cozinha integradas em apartamento de 35 m² projetado pela arquiteta Juliana Matalon, do Estúdio Ela Arquitetura, e Carol Dantas (/)

Praticidade é a palavra de ordem. Aposte em pufes com rodízio, sofás retráteis e peças com pouco volume. Materiais leves com estrutura em inox, e tampos de vidro também ajudam na sensação de amplitude.

O sofá, que geralmente é a peça de maior peso, precisa estar de acordo com o espaço do ambiente. É possível ter um móvel superconfortável mas ainda assim com um design clean. Invista em estofado liso (deixamos estampas e grafismos para as almofadas e mantas) e braços retos, que possam receber bandejas de apoio para copos e petiscos, mas não muito largos.

Apartamento de 35 m² Área de estar e cozinha integradas em apartamento de 35 m² projetado pela arquiteta Juliana Matalon, do Estúdio Ela Arquitetura, e Carol Dantas

Área de estar e cozinha integradas em apartamento de 35 m² projetado pela arquiteta Juliana Matalon, do Estúdio Ela Arquitetura, e Carol Dantas (/)

Uma dica esperta é tirar as medidas do ambiente e das peças que deseja comprar. Assim, antes de efetivamente adquirir os móveis novos, marque com uma fita crepe no chão: esse recurso dará a dimensão exata da ocupação. O móvel da TV, por exemplo, pode ser repensado. Que tal substituir por painéis e nichos para armazenar os equipamentos? Isso libera espaço no chão.

A luz natural é uma grande aliada. Escolha cortinas ou persianas clarinhas e instale-as em um nível mais alto com o comprimento seguindo até o chão, assim conseguimos o efeito de um pé direito maior. Uma paleta de cores claras para a base do décor é essencial. Invista em cores nos acessórios, que podem ser mudados com o tempo. E não se esqueça dos espelhos! Eles ajudam muito na sensação de amplitude. Revista pelo menos uma parede com eles.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s