Casa Created with Sketch.

Teleféricos são opção de transporte em cidades densas e populosas

Considerado prático e não-poluente, o sistema de transporte por cabos é bem-sucedido dentro e fora do Brasil.

tit-catraca-livre

 (/)

02-telefericos-sao-opcao-de-transporte-em-cidades-densas-e-populosas

 (/)

Além de atração turística, os teleféricos são importantes opções de transporte urbano em diversas cidades do mundo. Considerados limpos, rápidos e práticos, os sistemas de cabos e cabines surgiram, nos últimos anos, como alternativa para regiões com muitos morros, grande densidade demográfica e de difícil penetração de trens e ônibus.

Em Medellín, na Colômbia, fica um dos teleféricos mais conhecidos do mundo, principalmente por sua utilidade pública. Inaugurado em 2004, o Metrocable liga os principais morros da cidade à região central, fazendo integração com o metrô da cidade. O sistema transporta cerca de 30 mil pessoas por dia e cobra uma passagem equivalente a R$2.

01-telefericos-sao-opcao-de-transporte-em-cidades-densas-e-populosas

 (/)

Alemão e paulista

No Brasil, há uma série de iniciativas semelhante em grandes cidades do país. No Rio de Janeiro, o Complexo do Alemão conta, desde 2011, com o primeiro sistema de transporte de massas por cabos do país. Com 3,5 quilômetros, seis estações e 152 gôndolas, o Telefério do Alemão liga a estação Bonsuceso, integrada com a rede ferroviária da cidade carioca, ao topo do morro.

Os moradores do Alemão que se cadastram no sistema têm direito a fazer duas viagens diárias gratuitas (ida e volta). Cada viagem adicional custa R$1. Para turistas, o valor é de R$5.

Outra comunidade carioca, a da Rocinha, está para ganhar um sistema semelhante. O plano dos governos federal, estadual e municipal é que seja construído no local um teleférico semelhante ao do Alemão com seis estações que serão interligadas aos futuros pontos do metrô na Gávea e em São Conrado. As obras fazem parte das intervenções que o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) pretende fazer nas favelas do Rio.

São Bernardo do Campo, na região metropolitana de São Paulo, é outro município que pode adotar o teleférico como meio de transporte. A prefeitura, inspirada nos modelos colombiano e carioca, projeta um teleférico interligado com corredores de ônibus e metrô – o Governo de São Paulo planeja a construção de uma linha ligando a estação Tamanduateí à cidade.

Matéria publicada originalmente no site do Catraca Livre.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s