Casa Created with Sketch.

7 destinos pouco conhecidos para quem ama cultura

Muito provavelmente você pode nunca ter ouvido falar destes destinos nada óbvios para quem ama cultura

exame-novo-title

 (/)

 

Se você é daqueles que adora fugir do óbvio na hora de escolher um destino para viajar, provavelmente vai gostar desta seleção de regiões culturais pouco conhecidas e nada convencionais. Os lugares foram selecionados pelo site de viagens Booking e muito provavelmente você pode nunca ter ouvido falar deles. Veja nas imagens outros destinos nada óbvios para quem ama cultura:

Recanati, na Itália

Recanati, na Itália

 (/)

Para os amantes de arte renascentista, Recanati, na Itália, é o destino ideal. A região é conhecida como “cidade da poesia” por ser a terra natal do poeta Giacomo Leopardi. Para visitar, o Recanati Museu e a Galeria Municipal são paradas obrigatórias, pois abrigam uma rica coleção de pinturas de Lorenzo Lotto. 

 

Jaisalmer, na Índia

size_810_16_9_jaisalmer

 (/)

Jaisalmer, na Índia, é conhecida como “cidade dourada” por ter ruas e prédios de arenito na cor mel. A região abriga incríveis mansões e palácios, além de um forte construído em 1156 – palco de muitas batalhas. 

 

Viljandi, na Estônia

Viljandi, na Estônia

 (/)

Viljandi é um pequeno município da Estônia conhecido por muitos como a capital da música folclórica. É lá que ocorre anualmente o “Viljandi Folk Music Festival” – um dos mais importantes festivais de música do país. Além da música, a região possui inúmeras ruínas e abriga também a Academia de Cultura da Estônia. 

 

Aït-Ben-Haddou, no Marrocos

Aït-Ben-Haddou, no Marrocos

 (/)

De nome quase impronunciável,  Aït-Ben-Haddou, no Marrocos, já serviu de cenário para diversos filmes famosos, como “Gladiador” e “Babel”. Sua arquitetura é predominante de argila de barro laranja e passear por suas ruas antigas é como visitar um museu a céu aberto.  

 

Borobudur, na Indonésia

Borobudur, na Indonésia

 (/)

O conjunto de Borobudur é o maior monumento budista do mundo e está localizado no Vale de Kedu, região de Magelang, que fica na Ilha de Java. O monumento construído no século VIII inicialmente serviu como templo hindu, mas caiu no esquecimento por milhares de anos e foi redescoberto por ingleses em 1814. As esculturas que cobrem os blocos de rocha de lava possuem centenas de estátuas de Buda. Trata-se uma região totalmente misteriosa e incrivelmente bonita.

 

Uluru, na Austrália

Uluru, na Austrália

 (/)

Uluru é o segundo maior monólito do mundo e está localizado ao norte da área central da Austrália, no Parque Nacional de Uluru-Kata Tjuta. O Uluru tem mais de 300 metros de altura e 8 quilômetros de circunferência. Embora os turistas sejam recomendados a não escalar a pedra por respeito a seus proprietários indígenas, observar a grande pedra laranja já faz a visita vale a pena. 

 

Flores, na Guatemala

Flores, na Guatemala

 (/)

Flores é uma pequena vila situada na ilha do Lago Petén Itzá. A região é cheia de casas cubistas e coloridos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s