Nem tudo é o que parece nesses desenhos

O ilustrador alemão Christoph Niemann incorpora objetos do dia a dia em seus desenhos de forma inesperada e divertida

Por Redação Atualizado em 11 fev 2021, 15h23 - Publicado em 12 fev 2021, 06h00
Desenho roxo de homem segurando câmera fotográfica. A câmera é representada por um vidro aberto visto de cima
Reprodução Christoph Niemann/Casa.com.br

Dizem que a Arte é uma maneira especial de ver o mundo. Se assim for, o ilustrador alemão Christoph Niemann com certeza traz uma sensibilidade especial para o mundo artístico, provando que nem sempre as coisas precisam ser o que parecem. Seus Sunday Sketches, uma série de desenhos semanais, são mundialmente conhecidos por incorporar e transformar objetos do dia a dia em parte dos cartoons.

Gato lilás com um livro aberto fotografado de cima com as páginas representando os bigodes
Reprodução Christoph Niemann/Casa.com.br

Brincando com as escalas, formas e posições, Niemann cria composições inusitadas e divertidas, reimaginando a função de ferramentas, frutas, e outras coisas que se encontra pela casa. Em suas mãos, o lápis vira megafone, o garfo passa a ser girafa e o pente de cabelo o para-choque de um carro.

Desenho de mulher em vermelho, segurando um megafone representado por um lápis também vermelho
Reprodução Christoph Niemann/Casa.com.br

Seus trabalhos já apareceram na capa das revistas como The New Yorker, The New York Times Magazine e até da National Geographic. Ele também já participou da Bienal de Veneza, desenhando ao vivo.

Continua após a publicidade

Desenho de girafa com um garfo como corpo ao lado do desenho de uma árvore
Reprodução Christoph Niemann/Casa.com.br

Apesar de viver nos Estados Unidos, o ilustrador está em Berlim desde o começo da pandemia. “Desde março do ano passado, estou na minha mesa de desenho quase todos os dias. As coisas que faço dependem de contribuições e inspiração. Mas habilidade, atenção aos detalhes e rotina são extremamente importantes também. Esses últimos aspectos se beneficiam muito por ter um cronograma tão simples e estável”, disse ele à Colossal.

Confira mais alguns desenhos na galeria abaixo!

 

Continua após a publicidade

Publicidade