Imagens mostram o Palácio da Justiça de São Paulo após restauro

Projetado pelo escritório Ramos de Azevedo entre os anos 1920 e 1940, a reforma buscou contornar décadas de intervenção, adaptações e desgastes

Por Redação Atualizado em 9 set 2021, 10h42 - Publicado em 21 jun 2018, 15h19

Erguido na famosa Praça Clovis, no centro da cidade de São Paulo, o Palácio da Justiça ocupa uma área de 25 mil m². O restauro coube ao escritório paulistano Kruchin Arquitetura, que tocou o projeto entre 2014 e 2016. Agora, fotos revelam como o monumento ficou depois de pronto.

As alterações foram sutis, sem mudanças profundas na constituição espacial, buscando atenuar anos de intervenções, desgastes e interferências externas, causadas pelo entorno urbano, que comprometeram a conservação e a operação do prédio.

“O Palácio da Justiça não nasce como um edifício apenas, nasce como um marco, um totem erguendo-se, precisamente, ao centro de uma densa massa urbana em expansão acelerada e na esteira do complexo de instituições oriundas de uma república e de uma constituição há pouco instaladas”, afirmou o arquiteto Samuel Kruchin, à frente do escritório, ao Archdaily.

Veja todas as fotos da reforma na galeria abaixo:

Continua após a publicidade

Publicidade