Casa Created with Sketch.

Sótão se transforma em canto de trabalho, estudo e descanso

Em três meses, o mezanino do sobrado se transformou em uma confortável área para ler, relaxar, estudar e armazenar livros

sotao-se-transforma-em-canto-de-trabalho-estudo-e-descanso

 (/)

Um refúgio para ler, relaxar, estudar e guardar os livros. Esse era o desejo da médica da cidade paulista de Bebedouro. O primeiro passo ela deu ao reformar o sobrado onde vive: aproveitou o vão entre a estrutura do telhado e o forro do quarto para criar um mezanino de 17,50 m², com piso de porcelanato e janelas que convidam a claridade a entrar. O passo seguinte foi organizar o espaço, encarando as limitações impostas pelo pé-direito entre 1,04 m e 2,08 m. Nessa fase, contou com a designer de interiores Sarita Ávila, de Ribeirão Preto, SP. Para armazenar publicações e papéis em geral, a profissional desenhou estante, prateleira, arquivo e nichos. A generosa bancada atende bem à necessidade de um local para o computador e, no trecho onde o teto é mais baixo, encaixou-se o agradável canto de leitura. “Do projeto à entrega, foram três meses”, conta Sarita.

Quanto custou? R$ 13493

– Nichos aéreos: inspiradas em caixotes de feira, as cinco peças de pínus com seladora (55 x 30 x 35 cm* cada) foram confeccionadas por Paulo, marceneiro da Equipe Sarita Ávila.  R$ 1 mil.

– Arquivo preto: produzido com MDF revestido de finish foil (película impressa e envernizada),  mede 0,47 x 0,40 x 1,05 m e conta com rodinhas e três gavetas. Equipe Sarita Ávila, R$ 2 mil.

-Estante dupla face: nas dimensões 2,10 x 0,60 x 0,70 m, o móvel de pínus com seladora tem rodízios e dispõe de 16 nichos.  Equipe Sarita Ávila, R$ 3 mil

– Luminária de globo: modelo similar: Globo terrestre físico (ref. 1315), da Editora Holon. Com 30 cm de diâmetro, é de plástico. Disponível em 110 v. Kalunga, R$ 116,80.

–  Futon: o estofado de 1,80 x 1 x 0,15 m reveste-se de lona de caminhão reciclada. Item produzido pelo tapeceiro Adilson, da Equipe Sarita Ávila. R$ 2500.

– Almofadas: têm 50 x 50 cm e também são de lona de caminhão reciclada. Equipe Sarita Ávila, R$ 80 cada.

– Módulo baixo: mede 1 x 0,30 x 0,30 m o móvel de MDF com finish foil. Equipe Sarita Ávila, R$ 1500.

– Quadros: impressão de fotografias e molduras: uma de 50 x 40 cm e três de 40 x 30 cm. Eduardo Molduras, R$ 600.

– Mesa de estudos: o tampo de pínus com seladora (1,60 x 0,60 m, Equipe Sarita Ávila, R$ 400) vai sobre dois cavaletes Tret duo. Eles são de tubo de aço com pintura epóxi-pó e levam sapatas plásticas. Cada suporte (58 x 37 x 71 cm) aguenta até 60 kg, distribuídos  uniformemente (Tok & Stok, R$ 58 cada).

– Prateleira em zigue-zague: com 3 cm de espessura, o modelo de pínus, protegido por seladora, mede 3,45 x 0,20 m. Equipe Sarita Ávila,  R$ 1500.

– Vasos cerâmicos: Três jardineiras de 40 x 20 x 20 cm. Jardim Cristina, R$ 300.

– Mão de obra: montagem dos móveis. Equipe Sarita Ávila, R$ 300.

 

*largura x profundidade x altura.

Preços pesquisados em 22 de abril de 2013, sujeitos a alteração

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s