Por que o jardim de Lady Di tem flores todas brancas? Revelado!

Em homenagem ao 20 anos da morte da Princesa, o Palácio de Kensington criou um jardim repleto de flores brancas. E a escolha da cor não foi feita por acaso!

Por Jennifer Detlinger Atualizado em 18 ago 2017, 13h53 - Publicado em 18 ago 2017, 13h48

Em homenagem ao 20 anos do falecimento da princesa Diana, um lindo jardim foi erguido no Palácio de Kensington com uma singularidade de cores no mínimo impressionante: grande parte das flores são brancas.

Jonathan Brady/PA Images/Architectural Digest

Mas por que esse tom foi escolhido? O jardineiro-chefe do Palácio, Sean Harkin, revelou que o jardim não é monocromático por acaso: Lady Di tinha uma grande paixão por tons brancos e suaves. Prova disso é que a cor também aparece com frequência nas icônicas roupas que foram usadas por Diana, que agora são exibidas dentro do Palácio, na exposição Diana: Her Fashion Story.

Reprodução/Daniel Leal-Olivas//Architectural Digest

Inaugurado em janeiro, o jardim exibe muitas das flores favoritas da princesa, como lírios brancos, tulipas, rosas brancas, narcisos, não-me-esqueças e cosmos. Ao todo, Harkin usou 12 mil botões que foram plantados durante um ano antes do jardim ser revelado. As novas flores foram cultivadas no histórico Sunken Garden, que fica ao lado da entrada de visitantes do Palácio. Inspirado nas memórias da vida, da imagem e do estilo da princesa, o Jardim Branco ficará aberto para visitação gratuita até o fim do ano. Confira mais fotos do belíssimo espaço:

Reprodução/Daniel Leal-Olivas/Architectural Digest
Reprodução/Daniel Leal-Olivas//Getty Images/Architectural Digest
Reprodução/Daniel Leal-Olivas//Getty Images/Architectural Digest
Continua após a publicidade

Publicidade